Como renegociar dívidas: 5 dicas para regularizar sua situação

Renegociar dívidas é muito importante para retomar a saúde financeira e limpar o nome. Veja dicas para fechar um bom acordo com o seu credor!

Artigo escrito por Jennifer Figueiredo em 09 de Julho de 2021

Mulher pensando em como renegociar dívidas online

Faturas, mensalidades, boletos… quando as contas atrasam muitas preocupações podem vir à mente. Mas, saiba que é possível contornar essa situação entendendo como renegociar dívidas.

Segundo o órgão de proteção ao crédito, Serasa, mais de 62 milhões de brasileiros estão com alguma inadimplência e cerca de 30 milhões têm toda sua renda comprometida.

Dessa forma, muitos cidadãos acabam com o nome sujo, perdendo o controle das finanças para as ameaçadoras taxas de juros.

Contudo, com uma boa organização, disciplina e seguindo algumas dicas, há muitas chances de conseguir se livrar das dívidas e retomar a saúde financeira.

Então, quer saber como? Acompanhe este conteúdo que preparamos!

O que é renegociação de dívidas?

As contas surgem por meio de contratos, seja de prestação de serviços, linhas de crédito, produtos parcelados, entre outras formas.

Assim, é possível ter acesso imediato ao que foi contratado e em troca, o cliente fará um pagamento por isso, após algum tempo.

Portanto, considera-se que o consumidor negociou uma dívida, pois está devendo um valor combinado ao fornecedor, até que o pague em dia.

Então, apesar da “dívida” ser uma palavra que remete a algo ruim na vida financeira, ela está presente no dia a dia de milhares de pessoas.

Contudo, o problema surge quando a pessoa não paga essa conta por algum motivo e, em razão do atraso, começam a correr juros, multa e outros encargos.

Dessa forma, o valor inicial da pendência começa a aumentar exponencialmente, tornando-se mais difícil de quitá-la e aí, é preciso renegociar a dívida.

5 dicas para renegociar dívidas e fazer um bom acordo

Muitas instituições estão dispostas a fazer a renegociação de dívidas com os clientes e oferecer condições que permitem o envidado quitar suas pendências.

Além disso, em maio de 2021 foi aprovado o Projeto de Lei 35-15, que trata o “superendividamento do consumidor” e propõe ajudar os milhões de brasileiros endividados a limparem o nome.

Assim, a iniciativa altera o Código de Defesa do Consumidor, adicionando um capítulo referente a renegociação de dívidas, promovendo melhores condições para quitá-las.

A PL ainda permite que o inadimplente renegocie todas as pendências ativas de uma vez, mesmo que seja de diferentes instituições e impõe limites no valor da parcela para preservar um percentual mínimo da renda.

Por isso, conhecer seus direitos como consumidor o ajuda a fazer uma renegociação de dívidas mais clara. Então, para te ajudar nesse objetivo, atente-se para as dicas a seguir.

1. Reúna as pendências e conheça o valor total devido

Sem um controle de despesas é possível perder a noção de quais são as suas dívidas no momento.

Por isso, faça um levantamento das instituições com as quais tenha vínculo e organize as pendências em um caderno ou planilha de gastos.

Assim, para facilitar essa busca, você pode consultar seu CPF nos birôs de crédito, como SPC e Serasa.

Mobills – Controle de Gastos

4.8 500
Baixe gratuitamente na loja ou site
Plataforma Android, iOS e Web
Funcionalidades Controle de gastos, cartões de crédito, contas bancárias e objetivos financeiros.
Preço Gratuito com funcionalidades Premium (Paga)
Benefícios App com ótima usabilidade e Design
Baixe gratuitamente na loja ou site
  • Mais detalhes do Mobills
    O Mobills é um aplicativo de controle de gastos e finanças pessoais que irá lhe ajudar a alcançar o sucesso financeiro que você sempre sonhou.

    🎯 Nossa missão é transformar sua vida financeira para melhor e eliminar de vez todos os seus problemas com dinheiro.

    💰 Tudo isso é possível porque o Mobills é a maneira mais simples, fácil e segura para você economizar e juntar dinheiro.

    🚀 Confira porque mais de 7 milhões de pessoas escolheram nosso aplicativo para controlar suas finanças e não tomar susto no final do mês.

2. Opte pela melhor condição de renegociação de dívida

É fundamental ter conhecimento das condições de pagamento ao renegociar dívidas.

Portanto, analise com cautela o que é proposto pela instituição e faça um levantamento de pontos importantes, como:

  • CET (Custo Efetivo Total);
  • Taxas de juros;
  • IOF (Imposto sobre Operações Financeiras);
  • Prazo de pagamento;
  • Valor das parcelas;
  • Possibilidade de desconto à vista.

3. Cuidado ao renegociar valores que não pode pagar

Nada adianta enfrentar a burocracia da renegociação, se fechar um acordo que não pode pagar.

Por isso, seja cuidadoso, avalie sua condição financeira, renda mensal e só assuma um compromisso com o qual você tem condições de arcar.

Assim, é possível evitar que novas dívidas sejam criadas.

4. Consulte outras propostas

Sabia que é possível contratar uma linha de crédito com juros menores para quitar uma pendência?

Dessa forma, o crédito consignado ou com garantia possui taxas que acabam sendo mais benéficas para quem já está negativado.

Por isso, consulte outras propostas antes de fechar um acordo de renegociação de dívida com a instituição.

5. Considere a portabilidade de crédito

O cliente inadimplente que tiver problemas para renegociar dívida com a instituição, poderá optar pela portabilidade de crédito.

Isso significa que a dívida será transferida para outro agente financeiro que ofereça melhores taxas de juros, condições de pagamento atrativas e bom atendimento.

Por isso, procure conhecer as opções disponíveis no mercado e, se for do seu interesse, faça uma proposta de portabilidade.

Como renegociar uma dívida com o banco?

Mulher ligando para propor renegociação de dívida
É possível propor uma renegociação de dívida com seu banco sem sair de casa.

Possui pendências com o banco e deseja quitá-las? Pois saiba que muitas instituições financeiras disponibilizam canais dedicados para renegociação de dívidas!

Essas dívidas bancárias podem envolver cartões de crédito, empréstimos, cheque especial, consórcios, financiamentos, entre outras contratações.

Portanto, se você tem alguma restrição no nome junto ao banco, entenda como renegociar essas inadimplências.

Caixa

Para renegociar dívidas na Caixa Econômica Federal e regularizar sua situação, basta acessar uma das alternativas de atendimento disponíveis pelo banco.

Assim, o cliente pode consultar as soluções por aplicativo, chat, WhatsApp, canais telefônicos, além de ver suas pendências no site da Caixa.

Dessa forma, se possui empréstimos, cartão, financiamento imobiliário ou contratos atrasados, saiba como limpar seu nome em até cinco dias úteis.

Acesse o site da Caixa!

Bradesco

O cliente pode consultar se tem proposta pré-aprovada para renegociar dívida com o Bradesco ou propor um acordo online.

Assim que todas as dívidas forem renegociadas, o banco pode retirar as pendências do CPF do cidadão em até cinco dias úteis.

Portanto, confira as regras do contrato e avalie as condições de pagamento para ficar em dia com a instituição financeira.

Acesse a página do Bradesco!

Banco do Brasil

No Banco do Brasil, quem tem nome negativado pode pedir a renegociação das contas com maior flexibilidade de parcelas e até 96 meses para pagar.

Além disso, é possível solicitar o acordo sem sair de casa, por meio dos canais digitais: aplicativo, site, WhatsApp ou por telefone.

Acesse o portal de solução de dívidas!

Santander

Se você tem inadimplências no Santander e deseja renegociar essas pendências, saiba que é possível solicitar o acordo 100% online.

Para isso, o banco disponibiliza um portal de renegociação de dívidas onde é possível montar sua proposta e escolher as condições que cabem no seu orçamento.

Portanto, regularize a situação do seu financiamento, cheque especial, crédito pessoal e muito mais, para ter o nome limpo em até cinco dias úteis.

Acesse o portal de renegociação!

Importância de renegociar dívidas

A renegociação de dívidas é uma das melhores formas de se planejar para sair da inadimplência.

Afinal, quando você analisa as melhores taxas e consegue um acordo compatível com seu orçamento, a meta de tirar o nome do vermelho fica cada vez mais próxima.

Dessa forma, renegociar as dívidas é um passo importante para sua saúde financeira e possibilita resultados positivos, como:

  • Limpar o nome sujo no mercado;
  • Melhorar a pontuação do score de crédito;
  • Evitar que novas dívidas se acumulem;
  • Organizar melhor as finanças;
  • Melhora a relação com as instituições;
  • Ter aprovação em solicitações de crédito;
  • Conquistar tranquilidade financeira.

Então, podemos dizer que saber cuidar do seu dinheiro é como prezar por sua qualidade de vida!

Dúvidas frequentes sobre o assunto

O quanto antes! Busque regularizar suas pendências financeiras assim que possível, afinal, as dívidas se tornam mais caras a cada dia que passa.

O cidadão inadimplente pode renegociar todas ou grande parte de suas dívidas em plataformas que ajudam a tirar o nome do vermelho, tais como:

Fique atento: nem o banco e nem o cliente são obrigados a aceitar o acordo proposto!

Então, o que se pode fazer é contratar crédito com juros baixos para quitar a dívida ou fazer uma portabilidade de crédito, transferindo a dívida para outra instituição com melhores condições.

Geralmente, o prazo para retirar a inadimplência do nome é de 5 dias úteis após o pagamento.

Caso o período já tenha passado e a dívida continua registrada, entre em contato diretamente com a empresa que fez a renegociação.

Então, vale a pena renegociar dívidas?

Ter contas atrasadas e ficar inadimplente é, certamente, ruim para a vida financeira de uma pessoa.

Assim, renegociar as dívidas permite que o cidadão consiga melhores taxas e condições de pagamento para quitá-las.

Portanto, vale a pena buscar a renegociação e se manter organizado financeiramente, a partir desse ponto.

Para ajudá-lo nessa meta, temos uma ótima sugestão: conheça o Mobills, o melhor aplicativo de controle financeiro pessoal do Brasil!

Nele, você poderá planejar sua vida financeira, sem ser pego de surpresa pelas contas.

Assuma o controle das suas finanças!


Junte-se a mais de 239.950 pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade.


    🤔 Tem dúvidas ou dicas? Comenta aqui, que nossos especialistas respondem!

    Notifique-me de novos comentários via e-mail.

    Junte-se a mais de 239.950 pessoas

    Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade.


      Você também vai gostar...


      Escrito por Jennifer Figueiredo Jornalista

      Jornalista pela Universidade do Oeste Paulista. Uma Redatora que ama café, séries, pets e estar na presença de pessoas queridas.

      • Jornalista;
      • Conteúdo Web e SEO.
      .