Pesquisar Fechar Menu
Melhores Melhores Guias Guias Ferramentas Ferramentas Mobills Mobills
investimentos
isca
Sim
anual

Gestoras de investimentos: como funcionam, principais vantagens e melhores opções disponíveis

Uma gestora de investimentos é uma instituição especializada em gerir o capital de pessoas e empresas. Saiba mais!

Artigo escrito por Hícaro Sindeaux em 15 de Janeiro de 2021

Para muitos que começaram a investir dinheiro há pouco tempo, é comum se deparar com o desafio de não ter tempo ou conhecimento suficiente para isso.

Isso é um problema comum, e com o objetivo de auxiliar essas pessoas em seus primeiros passos, surgiram as gestoras de investimentos.

Uma gestora de investimentos é uma instituição especializada em gerir o capital de pessoas e empresas.

Essa é a forma mais utilizada pela maioria dos investidores do mundo para cuidar de suas finanças pessoais.

Ficou interessado no assunto?

Então confira esse artigo que escrevemos para lhe ajudar a entender melhor o que são essas gestoras, e como escolher a que mais se adequa ao seu perfil.

Boa leitura!

O que é uma gestora de investimentos?

Gestoras de investimentos são empresas formadas por diversos profissionais do mercado financeiro, com o objetivo de fazer o investimento de seus clientes renderem.

Essas gestoras são o motor por trás dos fundos de investimentos, previdências e fundos de pensões.

No total, já são mais de R$ 4,7 trilhões investidos sob os cuidados de gestoras de investimentos.

De modo geral, o grande benefício de se investir com gestoras de investimentos, é fazer melhor uso do seu tempo, e deixar que pessoas estudiosas tomem conta do seu dinheiro.

Com a ajuda de uma boa gestora, é possível investir em diferentes ativos, e obter bons rendimentos enquanto se diversifica.

Por conta disso, o principal papel de uma gestora de investimentos, é analisar quais as melhores oportunidades disponíveis no mercado, e então escolher qual o melhor investimento para seus clientes.

Como funciona uma gestora de investimentos?

As gestoras de investimentos também podem ser chamadas de “wealth management”, que em português significa gestão de patrimônio.

Como o próprio nome sugere, o principal objetivo de uma gestora é administrar o patrimônio das pessoas ou empresas da forma mais inteligente possível.

A gestão de patrimônio pode adotar as seguintes formas de trabalho:

  • Criar fundos de investimentos: Definir estratégias de investimento específicas para determinado público;
  • Criar carteiras de investimentos: Personalizar os investimentos para cada cliente específico.

De modo geral, o processo é relativamente simples: Você aplica seu dinheiro e a gestora escolhe os melhores ativos para você.

Diferente de bancos e corretoras, que somente recomendam investimentos, as gestoras distribuem o dinheiro dos clientes dentre os ativos.

Isso é bom, pois sempre é levado em consideração o perfil e objetivo de cada pessoa individualmente.

Existe, ainda, a responsabilidade da gestora de realizar a redistribuição desses investimentos, quando necessário.

Isso pode acontecer quando ocorre alguma mudança no mercado financeiro.

Uma gestora de investimentos é confiável?

Para aqueles que não estão familiarizados com o mundo dos investimentos, é comum se perguntar se determinado serviço é ou não confiável.

Se pensarmos que existe uma instituição responsável por gerir seu dinheiro e fazer os melhores investimentos, parece até bom demais para ser verdade!

Mas não é preciso desconfiar, pois as gestoras de investimentos realmente são confiáveis e seguras.

Isso porque esse tipo de instituição precisa de certas regulamentações e regras para se manterem funcionando e continuar prestando serviços.

Uma delas, por exemplo, é o licenciamento da Comissão de Valores Mobiliários (CVM), que fiscaliza o mercado de capitais no Brasil.

Outro ponto importante de ressaltar, é que o papel de uma gestora jamais será vender produtos de investimentos.

Isso significa que você não precisa se preocupar com conflito de interesses, pois o principal objetivo dos especialistas é garantir sua rentabilidade positiva.

Gestora de Investimentos e Corretoras: Qual a diferença?

Se você está começando a investir agora, deve ter se deparado diversas vezes com corretoras e gestoras de investimentos.

Mas é importante entender que essas prestadoras de serviços para o mercado financeiro se diferem em diversos aspectos.

Por mais que seja importante entender as características de cada serviço, principalmente para conseguir decidir o que é melhor para você, as pessoas ainda possuem diversas dúvidas a respeito das diferenças entre essas duas empresas.

Por isso, vamos por partes:

Classificação de investimentos

Em uma corretora de investimentos, você tem acesso a uma lista de investimentos variados, mas normalmente são oferecidas poucas orientações na hora de decidir onde investir.

Já as gestoras de investimentos, normalmente lhe apresentam somente onde seu dinheiro está sendo investido, não sendo necessário um estudo aprofundado do mercado.

Vale ressaltar que não estamos afirmando que uma seja melhor que a outra, mas somente que cada uma se encaixa melhor para perfis específicos.

No caso de investidores experientes, investir por meio de uma corretora se torna mais interessante, pois as taxas tendem a ser menores do que as de gestoras de investimentos.

Conflito de interesses

Os assessores de investimentos de corretoras normalmente recebem comissão sob a venda de ativos que eles realizam.

Sendo assim, você dificilmente conseguirá identificar se ele está recomendando o melhor produto para você ou o que dará mais retorno ao assessor.

Para o mercado financeiro, isso é chamado de conflito de interesses, que ocorre quando os especialistas acabam optando pelo benefício próprio ao invés do cliente.

Por outro lado, as gestoras de investimento não costumam realizar essa manobra, já que seu retorno financeiro será sob o rendimento de seus clientes.

Além disso, a taxa de administração normalmente é única, e o único benefício que se objetiva, é o do próprio cliente.

Por outro lado, as corretoras apresentam taxas de corretagem que tendem a ser mais baratas que as taxas de administração.

Em muitos casos a taxa de corretagem é zerada, como acontece na Toro Investimentos!

Taxas

Como explicamos anteriormente, as taxas ocorrem de forma diferente entre corretoras e gestoras de investimentos.

Normalmente, em corretoras de investimentos você paga uma taxa para cada operação de compra para determinados ativos, independentemente da quantidade.

Essas taxas podem ser diferentes para cada produto financeiro, mas fica à critério do próprio investidor escolher a corretora que lhe oferece o melhor suporte.

Algumas corretoras podem até mesmo zerar suas taxas de corretagem, para estimular a entrada de novos investidores.

Enquanto isso, nas gestoras de investimentos é cobrado um valor sobre o patrimônio administrado, e não somente sobre a venda e compra de produtos financeiros.

Esse modelo pode beneficiar os clientes, a depender do valor que se está investindo.

Cabe a você analisar qual valor está mais acessível, e qual opção lhe oferece o melhor suporte para o seu atual momento financeiro!

Vantagens de se investir com uma gestora

A principal vantagem de se investir com uma gestora de investimentos, é que a mesma oferece o recurso da praticidade.

Isso porque você não precisa acompanhar seus investimentos diariamente, pois existe uma equipe especializada que faz isso por você.

Além disso, possuir uma carteira administrada por uma equipe de especialistas permite competir com uma rentabilidade superior à das aplicações tradicionais.

Isso pelo fato de que as gestoras permitem que você tenha acesso a aplicações e estruturas financeiras diferenciadas.

Coisas que pessoas físicas não conseguiriam fazer sozinhas!

Portanto, imagine conseguir investir em fundos renomados mesmo com pouco dinheiro! Em uma gestora de investimento isso é possível.

Além disso, a questão da segurança deve ser levada em consideração na decisão, visto que gestoras estão em constante fiscalização por órgãos regulamentadores.

Isso lhe garante mais tranquilidade e protege contra eventuais perdas.

Como escolher a melhor opção?

Para escolher uma boa gestora de investimentos, o primeiro passo a se tomar é analisar os resultados obtidos pela empresa nos anos anteriores.

Vale lembrar, ainda, que é fundamental compreender a filosofia de investimentos da gestora em análise.

Porém, mais do que buscar lucro e ver a rentabilidade, é fundamental verificar como a gestora se saiu durante os períodos de crise do mercado.

Realizar esse tipo de análise põe à prova a qualidade da estratégia da empresa.

Isso porquê você precisa sempre ter em mente que rentabilidade passada não é garantia de rentabilidade futura.

Melhores gestoras de investimentos

De acordo com o Valor Investe, em 2019 existiam 634 gestoras de investimentos no Brasil, entre independentes e casas ligadas a grandes bancos.

Além disso, o interesse dos Brasileiros por investimentos vem aumentado desde a queda da Selic em 2017, e ainda mais após a queda da última crise em função do Covid-19.

Por conta disso, algumas gestoras ganharam destaque devido ao seu posicionamento diante das crises.

Nesse sentido, foi realizado um levantamento pelo economista do Valor Investe Marcelo d'Agosto, e apresentou as 20 gestoras que captaram mais dinheiro e atraíram cotistas.

No total, somaram-se R$ 60 milhões a mais para o patrimônio liquido dos fundos de investimentos, e um total de 1,2 milhão de novos cotistas.

As principais gestoras são as seguintes:

Tabela informando as principais corretoras de investimentos de 2019.
Tabela 01: Maiores corretoras de investimentos de 2019.

Conclusão

Escolher uma boa gestora de investimentos é fundamental para alcançar bons resultados em seus investimentos, mas acima de tudo, é essencial entender em que estágio de conhecimento você está, e quais seus objetivos.

Portanto, não significa que exista forma certa ou errada de se investir, mas sim, a forma ideal para você!

Por outro lado, antes de começar a investir, é fundamental possuir um bom planejamento financeiro, e nisso o Mobills pode ajudar você!

Com o Mobills você consegue acompanhar suas finanças e conseguir finalmente se livrar das dívidas e então começar a investir.

Logo, se você quiser começar a investir, não perca tempo e comece a se planejar o quanto antes e tente entender qual o seu perfil de investidor.

Aproveite para conhecer o Mobills, o melhor gerenciador financeiro do Brasil, e controle os seus gastos!



Escrito por Hícaro Sindeaux Redator

Analista de produto e conteúdo, é um entusiasta de novas tecnologias e fintechs e adora escrever sobre produtos financeiros, investimentos e empreendedorismo.

  • Graduando em Engenharia Civil - UFC.

Assine a Newsletter Mobills
Junte-se a mais de 239.950 pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade.


Você também vai gostar...


🤔 Tem dúvidas ou dicas? Comenta aqui, que nossos especialistas respondem!

Notifique-me de novos comentários via e-mail.


4 comentários publicados nesse artigo
    07/01/2021 às 12:26

    Sou nova em assuntos de finanças. Uma bebê engatinhando. E esses tipos de artigos tem me ajudado muito a aumentar em conhecimento, por exemplo, eu não sabia q existia gestoras. Pensava só haver corretoras. Foi realmente bem explicado e d grande ajuda. Gostaria d agradecer pelo material d qualidade disponibilizado gratuitamente e d fácil acesso.

      08/01/2021 às 10:52

      Ficamos muito felizes em saber que gostou das nossas dicas. Já conhece o aplicativo do MobillsEdu? Aprenda conceitos de educação financeira em até 5 minutos com essa nossa ferramenta. Baixe agora: CLICANDO AQUI.

    05/01/2021 às 19:09

    Olá, boa noite!

    Onde posso encontrar uma lista de Gestoras de Investimentos em formato de ranking, para que eu possa iniciar um investimento?

    Obrigado!

      06/01/2021 às 18:17

      Olá! Em breve vamos atualizar esse artigos com o ranking. Ative as notificações do Blog para ser avisado. =D

.