Pesquisar Fechar Menu
Melhores Melhores Guias Guias Ferramentas Ferramentas Mobills Mobills
investimentos
isca
Não
semestral

Investimentos para a aposentadoria: 7 melhores opções

Você quer investir para sua aposentadoria, mas não sabe como? Confira nosso artigo e descubra como investir para ter uma boa aposentadoria.

Artigo escrito por Teles Nascimento em 23 de Setembro de 2021

Pessoas mais velhas representando Investimentos para aposentadoria

Investimentos para a aposentadoria é um tema deveria ser mais abordado no cotidiano das pessoas. Entretanto, o assunto não tão comum na vida dos brasileiros.

O cenário fala por si só: instabilidades econômicas, reforma da previdência e o tempo para se aposentar são apenas alguns dos desafios que todos os cidadãos podem encontrar nos noticiários.

Contudo, a educação financeira e planejamento financeiro nunca foram tão presentes em nossa sociedade. Temas estes, que são extremamente importantes para um bem estar geral.

Assim, aqueles que estão mais interessados em aprender sobre finanças pessoais, gestão financeira e um melhor planejamento do futuro podem chegar a uma dúvida comum: “Onde posso investir para ter uma boa aposentadoria?”

Nesse artigo, você vai descobrir como construir uma reserva financeira para depender o menos possível do INSS e viver com mais tranquilidade após se aposentar.

7 Melhores investimentos para aposentadoria

Para que seja possível se aposentar confortavelmente, é preciso conhecer os melhores investimentos para a aposentadoria. Então, acompanhe!

1. Tesouro Direto

O Tesouro Direto é caracterizado por ser uma plataforma que disponibiliza títulos públicos federais com alto nível de segurança.

Nesse sentido, ele foi criado com o intuito de democratizar os investimentos para todas as pessoas, funcionando como um empréstimo para o governo federal. Assim, o governo te paga juros pelo dinheiro emprestado em um prazo determinado.

Um dos títulos tem um indicador como métrica chamado IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo) que leva em conta a inflação de produtos e serviços comercializados no varejo.

Então, ao considerar a aposentadoria como o foco do investimento, este é um dos melhores investimentos a se fazer, pois esses títulos costumam ter um prazo mais longo e seu poder de compra sempre estará protegido.

2. CDB (Certificados de Depósitos Bancários)

Os Certificados de Depósitos Bancários (CDB) são opções de investimentos em renda fixa. Portanto, possuem dois atributos extremamente importantes para investimentos a longo prazo: estabilidade e segurança.

Primeiramente, é importante discorrer que os CDBs são títulos oferecidos por bancos com o intuito de captar fundos.

Dessa forma, você empresta dinheiro para instituições financeiros e elas te pagam um juros pelo dinheiro emprestado.

Estes títulos possuem três diferentes tipos de classificações:

  • Prefixado: no momento da aplicação, já é possível saber quanto ele irá te render ao ano;
  • Pós-fixado: é atrelado a um índice e depende da variação dele;
  • Híbrido (mescla um prefixado com um pós): no momento da aplicação, será definido que você irá ter uma rentabilidade X acrescido da variação do índice.

Por fim, quanto maior for o tempo investido, maior será a rentabilidade dos títulos. Como a intenção é investir para a sua aposentadoria, os CDBs definitivamente são uma das melhores alternativas de longo prazo para aplicar.

Vale lembrar que os CDBs contam com o FGC (Fundo Garantidor de Crédito) que assegura, caso a instituição financeira “quebrar”, seu dinheiro de volta até o valor máximo de R$ 250.000,00.

3. Fundos de Renda Fixa Simples

Os fundos de investimentos de renda fixa simples foram criados para que os investidores tivessem um acesso fácil, seguro e barato aos investimentos.

Além disso, a principal característica deste fundo é que no mínimo 95% do patrimônio aplicado deve estar em títulos públicos federais e/ou em títulos de baixo risco.

Juntamente com esse nível de segurança, as informações dos fundos de renda fixa simples são disponibilizadas de modo fácil na internet.

Portanto, pode ser considerado também como um bom investimento para longo prazo com alto nível de segurança e uma boa rentabilidade.

4. Fundos de Previdência Privada

Os fundos de previdência privada são semelhantes a fundos de investimentos comuns, porém com a finalidade de guardar recursos para a aposentadoria.

São caracterizados por um sistema parecido com o da aposentadoria, na qual você vai investir um valor que vai render por determinado tempo. No final do prazo, ou caso você resgatar este valor antes, será disponibilizada algumas opções para o recebimento como:

  • Receber o valor todo de uma só vez;
  • Receber o valor em parcelas mensais por um prazo determinado (Ex: R$ 5.000,00 por mês durante 10 anos);
  • Receber o valor por tempo indeterminado até o falecimento do titular.

Existem fundos de previdência privada para todos os tipos de perfis, desde os mais conservadores até mesmo os mais arrojados.

Os fundos de previdência privada possuem dois tipos que são:

Plano Gerador de Benefício Livre (PGBL)

Neste plano, é possível deduzir as contribuições realizadas no plano de sua renda tributável até 12% ao ano. Ou seja, 12% do que você pagou ao Imposto de Renda volta para você e só será descontado no momento que você for resgatar o investimento.

É extremamente indicado para quem utiliza o modelo de declaração do Imposto de Renda completa.

Vida Gerador de Benefício Livre (VGBL)

Diferentemente do PGBL, o VGBL não possui benefício fiscal, porém existe outra vantagem: o Imposto de Renda incide apenas sobre os rendimentos e não sobre o valor principal, como no PGBL.

Geralmente as pessoas fazem um aporte para poder deduzir os 12% no PGBL e aplicam o restante no VGBL. Dessa forma, é possível conseguir o melhor dos dois tipos.

Por fim, é possível afirmar que os fundos de previdência privada são uma ótima modalidade para quem deseja ter um investimento para a aposentadoria.

5. Letras de Crédito

Existem duas Letras de Crédito, que são Letras de Crédito Imobiliárias e Letras de Crédito Agropecuárias (LCI/LCA).

As letras de crédito possuem um benefício frente a outros investimentos que é a não incidência de tributação. São caracterizadas por serem títulos emitidos por bancos com o intuito de captar dinheiro no mercado e investir no setor de imóveis e de agronegócios.

Geralmente, a rentabilidade destes investimentos está atrelada ao CDI, que é um dos índices utilizados nos investimentos de renda fixa, garantindo um investimento seguro e estável.

E também, assim como os CDBs, possuem FGC (Fundo garantidor de Crédito) que dão ainda mais estabilidade e segurança ao investidor.

6. Fundos de investimento imobiliários

Os FIIS se tornaram os “queridinhos” do mercado financeiro e esse grande sucesso está baseado no modelo de rentabilidade destes fundos.

Caracterizados por, como o nome já diz, investir no setor imobiliário, funcionam da seguinte forma: o fundo faz captação do valor e aplica no setor imobiliário, como condomínios e centros de distribuição.

A rentabilidade dos fundos de investimento imobiliário é paga mensalmente, no geral, como se fosse um aluguel, ou seja, você aplica nesse fundo e todo mês recebe um valor pelo investimento realizado.

Assim, O FIIS em três vertentes de negócios que são:

Built-to-Suit

O modelo de Built-to-Suit (BTS) é um dos mais utilizados atualmente e funciona do seguinte modo: um investidor compra um terreno e desenvolve todo o negócio conforme alguma empresa ou inquilino deseje.

Então, após a compra do terreno e a construção o imóvel conforme as especificações que o comprador deseja, o investidor realiza um contrato de locação de longo prazo.

Por exemplo, um investidor compra um terreno, constrói um condomínio e uma imobiliária deseja utilizar esse condomínio. Logo em seguida, o investidor aluga esse condomínio por um prazo gigantesco para a imobiliária.

Sale and Leaseback

O contrato de Sale and Leaseback (SLB) é um modelo de negócio simples.

Às vezes, ocorre de uma distribuidora ou um proprietário não ter mais condições de arcar com algum imóvel. Contudo, um investidor tem! Então, ele compra o imóvel e o aluga para o antigo proprietário, fazendo um contrato entre as duas partes em um longo prazo.

Buy and Lease (BL)

Extremamente similar ao modelo de Built-to-Suit (BTS), o Buy and Lease (BL) funciona assim: o investidor compra um imóvel pronto sem necessidade de construção e aluga para uma empresa de propósito específico, durante certo tempo.

Portanto, essas são as três modalidades na qual os fundos de investimento imobiliários aplicam.

Assim, fundos imobiliários são uma boa opção para aqueles que desejam receber um valor todo mês ou possuir uma renda passiva para acumular na aposentadoria.

7. Ações

Um dos principais atrativos das ações são os dividendos, que são os lucros que uma empresa teve e que serão divididos entre os investidores.

Nesse investimento, a pessoa compra uma ação e, a cada período, a ação deve pagar uma parcela do lucro por ter investido nela. Ou seja, todo ano receberá um valor por ter comprado ações daquela empresa.

Na legislação brasileira, é definido que no mínimo 25% do lucro líquido anual da empresa deverá ser dividida entre seus acionistas.

Portanto, essa também é uma excelente forma de construir renda passiva.

casal de idosos que fizeram investimento para aposentadoria

Descubra o melhor investimento para aposentadoria

Qual o melhor investimento para aposentadoria?

O melhor investimento para a aposentadoria é aquele que mais te faz se sentir confortável, pois não adianta investir em algo sem ter a confiança de que aquilo é certo para seu perfil.

Afinal, desse modo, é possível que ganhe mais dor de cabeça do que lucros, caso invista em algo que não te passe segurança.

Neste caso, o seu perfil de investidor pode dizer qual o melhor investimento para você, já que é possível categorizar os tipos de investimentos pelo tipo de perfil, como:

  • Conservador: Tesouro Direto, previdência privada, fundos de renda fixa simples; e
  • Moderado: LCI e LCA, ações, fundos de investimento imobiliários e fundos de previdência privada.
  • Arrojado: IPCA e pré-fixados.

Caso você seja um investidor iniciante, é recomendado investir em títulos de renda fixa que estejam atrelados a índices como IPCA e CDI.

Portanto, antes de realizar um investimento de renda fixa verifique o título e veja a qual indicador ele está atrelado.

Dicas para se organizar para a aposentadoria.

Paciência é uma virtude.

Sabemos que ter paciência para investir e esperar o dinheiro rentabilizar não é uma tarefa tão simples assim, entretanto o maior número de casos de investidores que perderam dinheiro é porque não conseguiram esperar.

Os investimentos só irão começar a rentabilizar bem ao longo do tempo, pois os juros compostos contidos ao longo dos anos são uma ferramenta poderosa para conseguir ganhar muito dinheiro.

Esqueça que tem o dinheiro

Como você não pode contar com esse dinheiro por um bom tempo, tente esquecer que tem esse dinheiro. Ademais, se puder, faça um aporte mensal no débito automático.

Quanto menos ficar lembrando que tem esse dinheiro melhor.

Planeje-se

Planejar é a chave do sucesso para qualquer tipo de atividade. Portanto, é necessário que você tenha um planejamento financeiro eficiente para conseguir não precisar do dinheiro da sua aposentadoria.

Por isso, planeje os mínimos detalhes para que não utilize parte do investimento da aposentadoria.

Você pode querer saber também

É necessário que você tenha preencha o pré-requisito de tempo de contribuição para se aposentar.

Homens: Idade de 62 anos e tempo de contribuição de 35 anos.

Mulheres: Idade de 57 anos e tempo de contribuição de 30 anos.

A primeira vista, é assustador pensar que terá que contribuir entre 30 a 35 anos para conseguir se aposentar não é?

Por isso, a importância de investir no agora para colher no futuro deve ser um tema central em sua vida. Dessa forma, trabalhando menos tempo e contribuindo menos ainda sem a necessidade de se ater a um valor fixo mensal.

Varia bastante de acordo com o quanto você deseja receber de renda mensal adicional.

Por exemplo, para se ter uma renda mensal de R$ 4.500,00, é necessário ter na poupança em torno de R$ 800.000,00. Mas, em torno de R$ 300.000,00, já é uma boa quantia para usufruir de forma satisfatória sua aposentadoria.

Para homens é necessário ter 65 anos de idade e para mulheres 60 anos.

Guardar sempre um montante do seu salário e sempre ter sua situação financeira controlada já é um bom começo de como ter uma boa aposentadoria.

Além disso, aplique em ativos que tenham ótimo potencial de valorização ao longo do tempo e sempre leve em consideração seu perfil de risco.

Varia do seu perfil de investidor, se é conservador, moderado ou arrojado.

Para investidores mais conservadores, o melhor é o Tesouro Selic. Para os mais arrojados, pré-fixado e IPCA.

Importância de pensar no longo prazo

Pensar no longo prazo é um passo essencial para conseguir ter uma boa aposentadoria.

Grande parte das pessoas não possuem o hábito de pensar no futuro, apenas vivenciam o hoje. Isto reflete numa pesquisa do jornal Globo que demonstra que 70% das famílias possuem dívidas.

Portanto, é necessário que você pense no longo prazo para conseguir realizar todos os seus objetivos financeiros.

Continue aprendendo!

Neste artigo, você aprendeu sobre investimentos para a aposentadoria. Assim, pensar no longo prazo é essencial para se aposentar com tranquilidade e conforto.

Ademais, veja nossos outros conteúdos sobre investimentos e finanças no Telegram e no YouTube.

A sua opinião é muito importante para nós! Então, sugira novos temas e deixe seu comentário!



Escrito por Teles Nascimento Analista de Conteúdo

Especialista em Investimentos, Teles é estudante de Contabilidade na Universidade Federal do Ceará, atuou como Daily Banker em corretoras e Gerente Bancário. Apaixonado por educação financeira, tem como missão ajudar o maior número de pessoas possível a alcançar o equilíbrio financeiro.

  • Especialista em Investimentos;
  • Agente Autônomo de Investimentos;
  • Correspondente Bancário.

Assine a Newsletter Mobills
Junte-se a mais de 239.950 pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade.


Você também vai gostar...


🤔 Tem dúvidas ou dicas? Comenta aqui, que nossos especialistas respondem!

Notifique-me de novos comentários via e-mail.


.