Como você tem se organizado para o ano que vem por aí? Entenda como fazer o melhor planejamento financeiro pessoal para 2021!

Como organizar seu planejamento financeiro pessoal para 2021

Banner Mobills

Para começar 2021 de forma tranquila e com a organização das suas finanças em dia, é necessário buscar fazer o melhor planejamento financeiro pessoal

O ano de 2020 não foi fácil, a pandemia do coronavírus afetou diretamente a economia, aumentou a taxa de desemprego no país, gastos com contas que as pessoas não estavam acostumadas também surgiram, produtos muito mais caros nos mercados e, possivelmente, tudo isso foi muito diferente do cenário que todos imaginaram. 

Mas, isso não pode impedir que você tenha boas expectativas para o ano que está chegando, não é mesmo?

E é nessa época que todos começam a pensar no que querem fazer de diferente comparando as atitudes passadas, principalmente, em relação aos objetivos e metas que não conseguiram atingir. 

E, para que isso dê certo, é necessário um planejamento pessoal que dê os resultados que você não obteve durante o ano que passou. 

Mas, você realmente sabe o que é um planejamento financeiro pessoal? Antes de iniciar o seu, é preciso entender. 

Em que consiste o planejamento financeiro?

O planejamento financeiro é baseado em definir suas metas e organizar a sua renda de acordo com elas. 

Isso acontece pois, se você não souber qual é o seu objetivo, não sabe por onde começar sua organização financeira

Então, o primeiro passo para que isso aconteça, é a reflexão de todas as suas ações, entender o motivos das suas metas passadas não terem sido atingidas, começar a investir seu tempo em atitudes que não investia e fazer um planejamento financeiro que deve ser seguido.

Por isso, no artigo de hoje, serão abordadas dicas de como realizar esse planejamento para 2021, fazendo com que suas finanças estejam muito mais organizadas para que você consiga aproveitar bem o ano que vem por aí. 

Vamos lá?

Planejamento financeiro pessoal para 2021

Renegocie suas dívidas

Se você possui dívidas, o primeiro passo para você começar seu planejamento financeiro pessoal é não ter dívidas pendentes. 

Ou seja, é necessário negociar as que você já tem (caso você tenha) e não realizar dívidas futuras. 

Portanto, priorize sempre o pagamento à vista, pois assim você vai conseguir manter um melhor controle do seu dinheiro.

Defina suas metas financeiras

O mais importante para começar a realizar seu planejamento, é a definição das suas metas, assim, você consegue alinhar todas elas ao seu orçamento pessoal e a renda que você possui. 

Mas é importante não esquecer de nenhuma e separá-las por prioridade. 

Essas metas podem ser construídas em cima de qualquer coisa que você queira comprar, sejam elas compras grandes ou pequenas, como a compra de um carro ou um sapato que você quer há muito tempo. 

Faça uma planilha

Uma planilha de gastos pode te ajudar muito na visualização dessas metas e a comparação com o seu orçamento, pois, deixar essas informações apenas dentro da sua cabeça pode acabar te confundindo ainda mais. 

Ela possibilita que você organize todos os seus gastos, tudo o que recebe e o que pretende gastar. 

É essencial que crie uma planilha que seja de fácil entendimento para você mesmo, pois você que irá administrá-la. 

Por isso, se você não entender de Excel, por exemplo, não use. 

Opte pelo Word, Power Point, entre outras ferramentas que sejam mais intuitivas, como um aplicativo de controle financeiro.

A história do melhor aplicativo de finanças pessoais do Brasil: Mobills

Não minta para você mesmo 

Se você não tem dinheiro para assumir determinado gasto, você tem que ser a primeira pessoa a aceitar que este gasto realmente não é possível para aquele determinado momento. 

Então, conheça sua realidade financeira e monte estratégia com base nela.

Além disso, não conte com rendas futuras, afinal, tudo pode mudar de um dia para o outro e essas mesmas rendas podem não existir mais. 

Tenha foco

Como dito lá em cima, não adianta você realizar todo seu planejamento mensal se não segui-lo, por isso, é importante ter foco!

Lembre sempre das suas metas, o quão tem sido difícil organizar suas finanças e como será gratificante quando você conseguir atingir os seus objetivos. 

Mantenha-se focado(a) em tudo que você faz, pois com organização financeira, no longo prazo você vai conseguir tudo o que almeja.

Fuja de gastos desnecessários 

Aquela história de ir ao shopping “dar uma voltinha” está totalmente direcionada a gastos desnecessários. 

Você sempre vai acabar comprando alguma coisa ao ir a um centro comercial, principalmente, se você não tem um objetivo. 

Então, se não pode e não precisa comprar nada naquele momento, não vá! 

No final do mês, esses gastos desnecessários fazem muita diferença. 

Guarde seu dinheiro

Por último, mas não menos importante, o que efetivamente mostrará o seu dinheiro rendendo, é investir parte dele em ativos financeiros.

É normal muitas pessoas dizerem que precisam guardar dinheiro, mas até colocar essa atitude em prática demora muito, então, se concentre nessa reserva. 

A forma mais fácil de começar a fazer é definir uma porcentagem que você acredita que não lhe fará grande falta no final do mês e guardá-la. 

Por exemplo, se você decidiu guardar 20% da sua renda, siga essa decisão, independe da renda que você terá naquele mês. 

Observando seus gastos durante o mês, você consegue entender quais deles são gastos desnecessários. Dessa forma, você consegue reduzir ou cortar esses gastos e, quem sabe, montar sua reserva de emergência com mais facilidade.  

Além disso, se você se considera uma pessoa desfocada em relação a reserva financeira, lembre-se de se pagar primeiro e até mesmo alocar esse dinheiro em uma conta a qual você não costume acessar com muita frequência.

Conclusão

Para manter o planejamento financeiro pessoal, busque sempre por perguntas. 

Pergunte a si mesmo se você realmente precisa gastar dinheiro com algo que não está no seu orçamento, por exemplo.

Pois assim você consegue entender o impacto que isso causa o seu planejamento, além de visualizar muitos errinhos, e então corrigi-los e evitar cometê-los novamente. 

Além disso, entenda quais foram os seus aprendizados durante todo o seu processo de organização financeira, isso te ajudará a manter sempre o foco em seu orçamento. 

Há muitos cursos direcionados a esse planejamento que te ajudam a realizá-lo da melhor forma.

No Blog Mobills você encontra as melhores soluções para o seu planejamento pessoal, como dicas para montagem de planilhas, passo a passo para a sua organização financeira e as melhores ferramentas.

Ademais, busque uma ferramenta para te auxiliar no seu controle financeiro, como o Mobills, o melhor gerenciador financeiro do Brasil.

Comente, nos siga nas redes sociais e compartilhe este conteúdo!

O que achou do artigo sobre como organizar seu planejamento financeiro pessoal para 2021?

Se gostou, então, cadastre-se na nossa Lista Vip para receber as novidades em primeira mão e compartilhe esse post com seus amigos e familiares que possam se interessar.

A sua opinião é muito importante para nós! Sendo assim, sugira novos temas e deixe seu comentário!

Quer acompanhar nosso conteúdo no Instagram? Siga @mobillsedu!

Não deixe, também, de acessar o canal do Mobills no Youtube.


VEJA TAMBÉM:

Postado em: Planejamento Financeiro


Escrito por Isabela Mota

Estudante de Publicidade e Propaganda, comunicativa apesar de tímida, boa ouvinte, apaixonada pelo universo da comunicação e pelas inúmeras possibilidades que ele proporciona. Gosto de exercer uma constante interação com as pessoas e acredito que a educação financeira pode mudar vidas.


Hey, o que você achou desse conteúdo?

Inscreva-se
Notificar de
guest
6 Comentários
mais antigos
mais novos mais votados
Inline Feedbacks
View all comments

    Junte-se a mais de 239.950 pessoas

    Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

    Logo Mobills
    Mobills Google Play
    Mobills Apple Store
    Mobills Web