Melhores Melhores Melhores Ferramentas Ferramentas Ferramentas Mobills Mobills
outros
isca
Não

Lance consórcio: Entenda para o que serve

Entenda de vez o que é lance no consórcio, os principais tipos, como ele funciona, como ganhar um lance e se realmente vale a pena fazer.

Artigo escrito por Thiago Sousa em 08 de Setembro de 2023

Já participou ou faz parte de algum grupo consorciado, mas não faz ideia do que é lance de consórcio? Aliás, é algo que pode te ajudar a adquirir o bem de maneira mais rápida.

O consórcio possui alguns termos que para quem está solicitando esse tipo de serviço agora pode parecer confuso.

Por isso, logo abaixo nós vamos mostrar o que é lance, como ele funciona, os tipos principais, qual o tempo certo de você fazer o seu e outras informações importantes para não fazer uma escolha errada.

LEIA TAMBÉM: Fundo de reserva consórcio: entenda qual é a utilidade dele

O que é lance de consórcio?

O lance é uma das formas de você ser contemplado no consórcio. Assim, você envia a proposta de lance para a sua administradora e no dia da assembleia, ganha quem tiver feito o maior lance – algumas fazem vários lances.

Para ficar mais claro, vamos lembrar de algumas etapas processo principais de um consórcio. Olha a ordem abaixo de como funciona:

  1. Entrada para um grupo de consorciados para adquirir o bem;
  2. Sorteios mensais e lances;
  3. Contemplação e análise de crédito;
  4. Aprovação e liberação da carta de crédito contemplada;
  5. Compra do bem consorciado com a carta de crédito;
  6. Continuar pagando até o fim do contrato.

Há alguns outros processos que envolvem um consórcio, mas de forma geral funciona do modo mostrado acima.

A quantidade de sorteios e lances é fixa e os membros podem fazer a cada assembleia, mas lembre que ele precisa ser aprovado.

E claro, caso você não ganhe o lance, o valor não é desperdiçado, já que ele é uma adiantamento do que você teria que pagar uma hora ou outra. Abaixo da pra entender melhor como funciona.

VEJA TAMBÉM: Consórcio ou financiamento: Descubra qual é o mais vantajoso

Quais são os principais tipos?

E claro, existem vários tipos de lances para ajudar o consorciado a obter o seu bem de forma mais eficiente.

Lance livre

O lance livre é um dos mais comuns. Nesse caso, o consorciado usa como base o valor da carta de crédito, sendo de 0% a 100% do valor dela. Normalmente a administradora estabelece o mínimo de 10%.

Então em um consórcio de carro, por exemplo, em que sua carta de crédito é de 80 mil e o lance mínimo é 10% desse valor, você precisaria fazer um lance de no mínimo R$80 mil.

IMPORTANTE: Vale lembrar que você só precisa dar o valor do lance se for aprovado e ganhar. Nesse caso, você tem um certo período de dias para repassar o valor do lance.

Lance fixo

No lance fixo, a administradora estabelece um valor fixo que deve ser dado como lance que é uma porcentagem da carta de crédito. Então é um consórcio de moto com uma carta de R$30 mil que o lance fixo é de 20%, quem quisesse participar só poderia fazer um lance de R$6 mil.

Mas já que nesse caso todos os lances são iguais, todo mundo ganha ao mesmo tempo?

Na verdade não, porque a administradora estabelece critérios para que uma pessoa seja a ganhadora. Em muitos casos, é feito um outro sorteio só com esse grupo que fez o lance fixo.

Lance embutido

Nesses casos, o consorciado por usar uma parte da carta de crédito como lance. Então, se uma pessoa tem uma carta de R$60 mil e fez um lance embutido de R$12 mil (20%), em caso de contemplação ela receberá uma carta de R$48 mil.

Essa pode ser uma opção interessante para quem não possui valor suficiente para dar um lance, mas também não quer depender só do sorteio.

imagem de mais ou menos sete pessoas em uma sala de leilão levantando placas com números e um homem em um púlpito mediando.
Fique atento ao lance embutido, já que o valor é descontado na carta de crédito!

Lance com FGTS

Como é de se imaginar, nesse caso você pode usar até 100% do saldo disponível no FGTS como lance no consórcio. O lance usando o Fundo de Garantia só pode ser usado para consórcio imobiliário.

Na verdade, ele pode ser usado de diferentes formas. Primeiro, você pode usar ele como lance, basta informar à administradora que você pretende fazer dessa forma.

Uma segunda forma é usar o FGTS para pagar as prestações. Nesse caso, você pode quitar até 80% do valor das parcelas que ainda faltam pagar.

Por fim, você pode usar o Fundo de Garantia para complementar o valor da carta.

Então, vamos supor que você teve sua carta de crédito de R$200 mil contemplada, mas quer um imóvel que custa R$230 mil. Se você tiver os R$30 mil no FGTS, basta informar que quer usar o valor para complementar e esse valor vai direto para o vendedor.

VEJA TAMBÉM Consórcio contemplado: Entenda o que fazer agora

Como ganhar um lance de consórcio?

Por se tratar de uma espécie de leilão, ganha quem deu o maior lance. Em caso de empate, geralmente a administradora faz um sorteio entre eles ou propõe um novo lance para desempate.

Vale lembrar que a contemplação só acontece se tiver saldo suficiente no fundo somado ao valor do lance. Caso não tenha, acontece apenas o sorteio.

Qual o momento de fazer o lance?

Antes de tudo, entenda como funciona o seu grupo, qual é o perfil deles com informações que a própria administradora oferece (como o extrato dos lances). Assim, será possível entender mais ou menos o valor que pode ser ofertado.

Além disso, no início do consórcio pode haver mais concorrência, então vá observando com o tempo o momento ideal para isso. E claro, participe das assembleias para entender como o seu grupo está funcionando.

De qualquer modo, se planeje bastante para não comprometer suas finanças pessoais com o intuito de apenas adquirir seu bem.



Escrito por Thiago Sousa Redator

Estudante de Línguas Estrangeiras Aplicadas (LEA-MSI) na UnB. Conteudista, apaixonado por tecnologia e poliglota que usa o marketing de conteúdo para proporcionar acesso fácil à educação sobre finanças pessoais.

Você também vai gostar

.
.