Pesquisar Fechar Menu
Melhores Melhores Guias Guias Ferramentas Ferramentas Mobills Mobills
investimentos
isca
Não
mensal

Como Investir no Tesouro Direto Selic? – Dicas Práticas

Todo investidor precisa conhecer o Tesouro Selic. Então, leia o artigo e aprenda o que é e como investir nesse título!

Artigo escrito por Marcos Vitor em 24 de Setembro de 2021

cálculo do tesouro selic

O Tesouro Selic é o investimento mais famoso do Brasil, pois é considerado a aplicação mais segura que podemos fazer.

Contudo, antes de investirmos nesse título público, é preciso conhecer as suas características para sabermos se ele se adequa às nossas necessidades.

Por isso, fizemos este artigo para te fornecer todas as informações necessárias para que você tome a melhor decisão de investimento.

O que é o Tesouro Selic?

O governo pode financiar os seus gastos também através de títulos da dívida pública.

Dessa forma, ele emite um título que garante ao credor o valor aplicado acrescido de juros no vencimento.

Devido a isso, os títulos públicos se tornaram um dos investimentos mais famosos do Brasil, pela segurança e porque, historicamente, sempre tiveram bons rendimentos.

Contudo, os títulos públicos não são todos iguais.

Na verdade, existem três tipos diferentes: um que rende de acordo com uma taxa fixa, outro de acordo com a inflação e outro de acordo com a taxa Selic.

Esse último é o Tesouro Selic.

Principais características desse Título Público

Como foi dito, esse investimento se tornou famoso pela segurança e pelos retornos expressivos.

O baixo risco dessa aplicação advém da grande capacidade do governo de captar mais recursos para honrar com seus compromissos.

Nesse sentido, ele pode aumentar os impostos, imprimir mais dinheiro ou fazer novas dívidas para quitar a dívida cujo credor é você.

Além disso, durante muitas décadas, foi muito rentável investir na taxa básica de juros da nossa economia.

Para se ter uma ideia, nos últimos 20 anos, a taxa Selic ficou acima de 10% ao ano em quase 80% do tempo.

Ou seja, esse título sempre entregou retornos significativos com baixo risco.

É verdade que recentemente, com a queda da taxa de juros, a rentabilidade dessa aplicação diminuiu.

Mas, no longo prazo, esse título tende a apresentar retorno real positivo.

Por fim, existe outra característica relevante do Tesouro Selic.

O Tesouro Nacional garante a recompra de qualquer título público na plataforma do Tesouro Direto.

Ou seja, outra característica desse título é alta liquidez, que te permite resgatar seu investimento a qualquer momento.

4 Dicas para investir no Tesouro Selic

Mulher descobrindo como investir no Tesouro Selic
Mulher descobrindo como investir no Tesouro Selic

Tenha uma estratégia de investimentos

O principal ponto que você deve observar antes de investir em qualquer título do Tesouro Direto é a adequação dele na sua estratégia de investimentos.

Se você é um investidor mais agressivo, por exemplo, não deve alocar uma grande parte do seu portfólio em títulos públicos.

Isso porque você pode estar deixando de ganhar um retorno maior em ativos com um risco maior.

Entenda qual é a função da renda fixa

Com base na dica anterior, é interessante também entender qual é a função da renda fixa em sua carteira de investimentos.

Assim, com uma estratégia bem definida e conhecimento, você conseguirá melhores resultados em seu investimento.

Não espere grandes retornos

Não devemos aplicar nossos recursos nessa classe esperando grandes retornos.

Pois, a renda fixa serve principalmente para diminuir a oscilação da nossa carteira e para garantir um retorno positivo (ou menos negativo) em tempos de crise.

Invista em títulos com vencimentos mais curtos

Em síntese, é preciso entender que quanto maior for o prazo do título, mais sensível ele será às oscilações na taxa de juros futura.

Portanto, se você quiser diminuir mais ainda o seu risco, invista em títulos com vencimentos mais curtos para que sua carteira não tenha uma grande volatilidade diante de mudanças nas expectativas do mercado.

Como investir no Tesouro Selic

Existem duas formas de se investir no Tesouro Selic: através de uma instituição intermediária ou através da própria plataforma do Tesouro Direto.

No primeiro caso, basta que você crie uma conta em um banco ou corretora que tenha acesso aos títulos públicos.

No segundo caso, você precisa solicitar que a sua corretora crie uma conta para você no Tesouro Direto e enviar os documentos solicitados.

A primeira forma é bem mais simples de fazer.

Em nosso canal do YouTube, nós fizemos um vídeo mostrando na prática como funciona o investimento em títulos federais.

Entretanto, no vídeo, aplicamos no Tesouro IPCA+, mas o processo é o mesmo para o Tesouro Selic.

Se preferir, assista o vídeo para entender como investir no Tesouro Direto

Dúvidas frequentes sobre o assunto

Pronto, até aqui você já entendeu o mais importante para fazer seu primeiro investimento no Tesouro Selic.

Contudo, podem ter restado algumas dúvidas sobre o tema, então vamos tentar saná-las agora.

Qual é o valor mínimo para investir no Tesouro Selic?

Diferente dos outros títulos do Tesouro Direto, o valor mínimo para investir no Tesouro Selic é R$ 100,00.

Isso porque, segundo as regras do Tesouro, só podemos comprar no mínimo 1% de um título.

Então, como o preço do Tesouro Selic é maior, o valor mínimo também é maior.

Você pode conferir o preço mínimo de todos os títulos através do site do Tesouro Direto.

Quanto rende 100 reais no Tesouro Selic?

O rendimento vai depender da taxa de juros vigente durante todo o período em que você estiver com o título.

Atualmente, a taxa Selic está em 7,75% ao ano (27 de outubro de 2021), então podemos fazer uma simulação baseados nessa taxa.

Se você investir R$ 100,00 no Tesouro Selic com prazo até 2024 e segurar o título até o vencimento, vai resgatar R$ 119,18 líquido de Imposto de Renda.

Quanto rende R$100 no Tesouro Selic - Simulação
Quanto rende R$100 no Tesouro Selic – Simulação | Fonte: Site do Tesouro Direto

Quanto rende o Tesouro Selic hoje?

O Tesouro Selic rende de acordo com a taxa Selic over, que é a taxa que remunera os empréstimos entre bancos lastreados em títulos públicos.

Apesar de caminhar bem próxima, esta taxa não é exatamente igual à Taxa Selic Meta.

Esta última é definida pelo Copom em suas reuniões que acontecem a cada 45 dias.

Tradicionalmente, a Selic Over fica 0,10 p.p abaixo da Selic Meta.

Como foi dito, a nossa taxa básica está em 7,75% ao ano ( 27 de outubro de 2021).

Quando investir no Tesouro Selic?

Para tomar a decisão de investir nesse título, precisamos levar em consideração três fatores: nosso objetivo, nosso perfil e as perspectivas econômicas.

Se queremos juntar dinheiro para fazer uma viagem em dois anos, por exemplo, o Tesouro Selic é uma ótima opção.

Além disso, se temos um perfil mais conservador e queremos aplicar em ativos menos arriscados, esse título também é uma excelente alternativa.

Por outro lado, se a inflação esperada para os próximos meses está acima da taxa Selic esperada, esse ativo não será rentável.

Isso porque o título renderá abaixo do índice de preços, ou seja, perderemos dinheiro.

Historicamente, a Selic sempre esteve acima da inflação, até para segurar os preços da economia.

Contudo, temos que ficar atentos aos fundamentos econômicos.

Qual a melhor corretora para investir no Tesouro Selic?

Na verdade, não existe uma melhor corretora para se investir nesse título.

Isso porque os produtos que elas oferecem são os mesmos e a maioria delas não cobram taxas para fazer esse tipo de aplicação.

Então, é difícil fazer uma diferenciação entre corretoras para investir no Tesouro Selic.

Mas, não podemos negar que existem aquelas instituições que são mais escolhidas para se investir nos Tesouro Direto.

Por exemplo, a Rico, a Easynvest e a XP Investimentos são as corretoras que mais negociam títulos públicos no Brasil.

Como é cobrado o Imposto de Renda do Tesouro Selic?

O Imposto de Renda cobrado nos títulos públicos segue a tabela regressiva que incide sobre a maioria das aplicações de renda fixa.

Portanto, o Imposto de Renda devido vai depender do prazo em que você permanecer com o título.

Tempo com o títuloAlíquota
Até 180 dias22,5%
De 181 a 360 dias20%
De 361 a 720 dias17,5%
A partir de 720 dias15%
Tabela Regressiva da Renda Fixa

Mas lembre-se: o valor do imposto incidirá apenas sobre o rendimento.

É possível perder dinheiro investindo?

Apesar de ser considerado o investimento mais seguro do Brasil, sim, é possível.

Existem três formas de perder dinheiro com títulos públicos.

Primeira e mais improvável, o governo pode dar um calote e simplesmente não pagar as suas dívidas. Mesmo tendo acontecido no passado, é muito difícil acontecer hoje novamente.

Segunda, você pode ter um rendimento menor do que a inflação.

Ao final do período, seu investimento vai ter se multiplicado, mas não na mesma velocidade que os preços da economia aumentaram. Ou seja, você tem mais dinheiro, mas ele vale menos.

Por fim, você realmente pode ter prejuízo.

Se você resgatar seu título antes do vencimento, o governo vai recomprar pelo preço vigente no mercado. Caso o preço do título esteja abaixo do valor que você pagou, terá prejuízo.

Diferença entre Tesouro Direto e Tesouro Selic

O Tesouro Direto é um programa do Tesouro Nacional que permite a negociação de títulos públicos por Pessoas Físicas.

Ele visa facilitar a captação de recursos pelo governo e democratizar o acesso aos títulos da dívida federal.

Antes desse programa, só era possível comprar títulos públicos através de fundos de investimento que, por sua vez, adquiriam esses ativos dos grandes bancos.

Como foi dito, dentro da plataforma do Tesouro Direto, nós encontramos três títulos diferentes.

Dentre esses, existe o Tesouro Selic.

Portanto, Tesouro Direto é um programa, enquanto Tesouro Selic é um título.

Vale a pena investir no Tesouro Selic?

A resposta para essa pergunta vai depender principalmente do seu objetivo com o investimento.

Para montar uma reserva de emergência, o Tesouro Selic continua tão útil como sempre.

Isso porque ele cumpre os dois requisitos de uma reserva de emergência: baixo risco e alta liquidez.

Então, nesse caso, sim, vale a pena.

Nesse sentido, se você quiser juntar dinheiro para trocar de carro em 12 meses, o Tesouro Selic também é uma boa opção por causa da baixa oscilação do título.

Por outro lado, se seu objetivo é proteger seu patrimônio contra a inflação ou atingir níveis maiores de rentabilidade, o Tesouro Selic não é o ativo mais adequado.

Sendo assim, o ideal é que analise as perspectivas para os índices de mercado, como inflação, dívida pública e taxa de juros para que você tome as melhores decisões de investimento.

Atualmente, o IPCA (índice de inflação) está com um rendimento superior ao da taxa Selic nos últimos 12 meses.

E essa realidade tende a permanecer assim nos próximos meses.

Portanto, quem investir no Tesouro Selic ainda vai ter um retorno real negativo.

Continue aprendendo!

Gostou deste conteúdo? Então, cadastre-se em nossa Newsletter para receber conteúdos sobre finanças pessoais e investimentos em primeira mão.

Além disso, você pode acompanhar nosso conteúdo no YouTube.

Não esqueça de deixar nos comentários as suas dúvidas ou sugestões.



Escrito por Marcos Vitor Especialista em investimentos

Especialista em investimentos do Mobills, Marcos é formado em Economia pela UFC. Tem como hobby aconselhar amigos sobre investimentos.

  • Certificado de Especialista Anbima (CEA);
  • Economista;
  • ETF no Mercado Brasileiro - ANBIMA;
  • Gestão de Riscos - ANBIMA.

Assine a Newsletter Mobills
Junte-se a mais de 239.950 pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade.


Você também vai gostar...


🤔 Tem dúvidas ou dicas? Comenta aqui, que nossos especialistas respondem!

Notifique-me de novos comentários via e-mail.


8 comentários publicados nesse artigo
    11/08/2021 às 23:28

    Como faço para investir mais de 1.000,00 no tesouro selic se nas plataformas já aparecem uns valores determinados?

      12/08/2021 às 09:02

      Olá, Wildson. Um título Tesouro Selic custa mais de R$ 10.000, mas você pode comprar frações dele ou ele inteiro. No caso de você comprar fracionado, você pode até investir mais de R$ 1.000, mas terá apenas que selecionar a fração do título que você deseja comprar. O vídeo a seguir mostrar como funciona esse processo na prática: https://www.youtube.com/watch?v=4Eh9RUw9yc0&t=14s

    01/08/2021 às 17:27

    Como posso investir no tesouro selic, tem que depositar todo mês ?

      02/08/2021 às 09:28

      Olá, Maria. Você não precisa depositar todo mês necessariamente. Quando não der para você investir em um mês, tudo bem, você não será penalizada ou algo do tipo.

    12/07/2021 às 22:17

    No caso eu quero juntar 20 mil pra dar entrada na minha casa. Guardando 500 por mês. Em qual deles eu devo investir?

      13/07/2021 às 08:49

      Olá, Bianca. No seu caso, o ideal seria investir no Tesouro IPCA+ com um prazo não tão longo. Dessa forma, você investirá em uma aplicação segura que te dará um rendimento considerável durante todo o período.

    01/07/2021 às 16:32

    Gostei das explicações e tira-dúvidas com exemplos.
    Linguagem fácil, etc.
    muito bom o artigo!

      01/07/2021 às 16:49

      Ficamos felizes em poder ajudar, Gilma. Aproveita e confere nossos outros artigos sobre investimentos.

.