Melhores Melhores Melhores Ferramentas Ferramentas Ferramentas Mobills Mobills

Marketing Médico: como implementar de acordo com as regras do CFM

Conheça as regras de marketing médico e saiba como se comunicar de maneira ética e responsável com seu público

Artigo escrito por Lívia Portela em 31 de Maio de 2024

Investir em comunicação é cada vez mais importante para profissionais de saúde, e conhecer as regras de marketing médico é essencial para se comunicar de maneira ética e responsável com seu público.

Isso porque, com as novas tendências de comportamento, os pacientes buscam conhecer o médico que irá atendê-las com antecedência pelas redes sociais ou sites, ainda que tenham recebido uma indicação.

Então, para entender as novas tendências do mercado, bem como conhecer as melhores estratégias de marketing médico de acordo com as regras do CFM, confira o artigo que preparamos!

VEJA TAMBÉM: Investimentos para médicos: quais são os melhores produtos financeiros?

O que é o marketing médico

Marketing Médico é um conjunto de ações e estratégias de marketing voltadas para profissionais de saúde, com o objetivo de desenvolver uma comunicação atrativa e se posicionar no mercado para conquistar clientes, de acordo com a ética da profissão.

Seu principal diferencial é que ele adapta o conjunto de táticas do marketing tradicional às regras e resoluções impostas pelos conselhos e órgãos reguladores.

Desse modo, é importante estar atento às regras do CFM – Conselho Federal de Medicina, para que a comunicação seja feita com responsabilidade, ética e sem sensacionalismos.

Por que é importante que um médico entenda sobre marketing?

O marketing de um consultório ou de um profissional é uma parte fundamental para o seu posicionamento no mercado, e ele pode ser feito pelo próprio médico ou por um profissional especializado.

Caso opte por cuidar da sua própria comunicação, os principais tópicos de estudo são estratégias de marketing digital para médicos, criação de conteúdo para redes sociais e web, além de noções de tráfego pago, design e copywriting.

Nesse sentido, o médico deverá estar ciente de que esta é uma atividade que demanda tempo e estudo, e avaliar, de tempos em tempos, até que ponto compensa fazer tudo sozinho.

No entanto, ainda que hajam excelentes profissionais na área, confiar cegamente em um social media ou em uma agência pode não ser uma boa opção.

Isso porque, caso o médico opte por terceirizar essa função, entender a teoria sobre os objetivos e processos de marketing o ajudará a direcionar o trabalho, mensurar os resultados e atuar de acordo com a legislação do CFM.

Ou seja, ao delegar o serviço de marketing, o médico deverá saber o que solicitar ao profissional, bem como avaliar os resultados e impor os limites éticos. Afinal, será a sua imagem e a de sua clínica médica que estará em jogo.

Além do marketing

Além de entender sobre marketing, é importante que o médico possua uma conta que possibilite a ele condições mais vantajosas.

Com a conta do Santander Select, por exemplo, é possível a ter acesso a diversos produtos bancários exclusivos, assessoria de investimento e atendimento personalizado.

VEJA TAMBÉM: Empréstimos para médicos: veja como funciona e as vantagens

O que pode e o que não pode no marketing médico?

No marketing médico, o profissional deve seguir diretrizes estabelecidas pelas resoluções do CFM para mostrar aos seus potenciais pacientes a amplitude de seus serviços.

Esse trabalho deve ser feito considerando as regras de mercado, mas preservando a medicina como atividade-meio.

Nesse sentido, em 2023 o CFM atualizou suas regras para a publicidade médica para ampliar as formas de divulgação do trabalho médico e do marketing para clínicas.

Veja a seguir os principais pontos de mudança, de acordo com a Resolução CFM nº 2.336/2023:

O que pode:

  • Uso de imagens de caráter educativo, relacionadas à especialidade registrada do médico. A foto deve ser publicada com de texto educativo, contendo as indicações terapêuticas e fatores que possam influenciar negativamente o resultado;
  • Demonstrações de antes e depois, desde que apresentadas em conjunto com imagens contendo indicações satisfatórias, insatisfatórias e possíveis complicações decorrentes da intervenção;
  • Repostar em redes sociais elogios de pacientes, desde que o depoimento seja sóbrio e sem adjetivos excessivos ou que induzam promessas de resultados;
  • Imagens de bancos de imagens, citando a origem e respeitando os direitos autorais;
  • Imagens de pacientes, desde que possua autorização para publicação, garantindo-lhe o anonimato e respeitando seu pudor e privacidade;
  • Publicação de selfies, imagens e áudios em redes sociais, desde que não tenham características de sensacionalismo ou concorrência desleal;
  • Utilizar imagens com detalhes de seu ambiente de trabalho, sua própria imagem, de membros da equipe clínica e de outros auxiliares;
  • Anunciar os aparelhos e recursos tecnológicos, utilizando as informações, indicações e propriedades presentes em seu portfólio;
  • Informar sobre valores de consultas, meios e formas de pagamento, esclarecendo que o valor de procedimentos particulares poderá ser acordado entre as partes previamente ao atendimento e sua execução;
  • Anunciar abatimentos e descontos em campanhas promocionais, sendo proibido vincular as promoções a vendas casadas, premiações e outros que desvirtuem o objetivo final da medicina como atividade-meio, conforme definido no Manual da Codame.

O que não pode:

  • Publicar imagens manipuladas ou melhoradas;
  • Publicar imagens que identifiquem o paciente;
  • Publicar imagens não autorizadas pelo paciente, ainda que seja preservado o anonimato;
  • Captura de imagens de procedimentos médicos por terceiros, exceto partos;
  • Ensino de técnicas médicas a não-médicos;
  • Postagens sensacionalistas, com autopromoção, mercantilização do ato médico ou com promessas irreais de resultados;
  • Divulgar equipamento e/ou medicamento sem registro na Anvisa, ou agência que a suceda;
  • Participar de propaganda enganosa de qualquer natureza;
  • Oferecer serviços por meio de consórcio e similares;
  • Garantir, prometer ou insinuar bons resultados do tratamento;

É importante ressaltar que as regras que apresentamos são os principais exemplos de regulações para o marketing médico, e que para desenvolver sua estratégia de marketing é necessário estar a par do conteúdo completo das resoluções do CFM sobre o assunto.

Vale a pena investir em marketing médico?

Investir em marketing para um consultório médico pode ser uma estratégia vantajosa e de grande retorno.

Dessa forma, em um mercado cada vez mais competitivo e digitalizado, os médicos que reconhecem a importância do marketing podem colher diversos benefícios, tais como:

  1. Visibilidade e reconhecimento: um marketing bem feito pode aumentar a visibilidade do seu consultório, e garantir que ele seja notado pelos pacientes em potencial.
  2. Construção de credibilidade e confiança: um bom planejamento de marketing, com uma comunicação eficiente e uma estratégia de imagem, pode ajudar a construir a credibilidade do médico e de seu consultório.
  3. Segmentação de público-alvo: um bom planejamento de marketing permite que os médicos direcionem suas mensagens para públicos específicos. Isso aumenta a eficácia da sua comunicação e o torna reconhecido como uma autoridade no assunto.
  4. Fidelização de pacientes: o marketing envolve toda a jornada de um paciente, desde o primeiro contato com seu nome, até o pós-consulta. Dessa forma, um trabalho de marketing bem feito é capaz de não apenas atrair novos pacientes, mas também de manter os pacientes existentes engajados e satisfeitos.
  5. Acompanhamento de tendências e feedback: outra vantagem do marketing é que ele permite acompanhar as tendências do mercado e obter feedback direto dos pacientes. Com isso, os médicos podem ajustar suas estratégias, mantendo-se relevantes e atendendo às demandas do público.
  6. Aumento da demanda e da receita: com uma estratégia de marketing eficaz, é possível atrair um maior número de pacientes para o consultório. Isso significa uma agenda mais cheia e um aumento direto na receita.

Ou seja, investir em marketing para um consultório médico pode ser um investimento valioso, uma vez que, além de atrair novos pacientes, também fortalece a sua reputação, aumenta a receita e promove relacionamentos duradouros com os pacientes.

Investir em marketing médico é, portanto, uma maneira eficaz de se destacar em um mercado competitivo e garantir o crescimento e o sucesso a longo prazo.

Santander Select: conheça a conta bancária para médicos

O banco Santander oferece para médicos a opção de se tornarem clientes Select, que é uma categoria especial voltada para clientes com perfil de alta renda, de forma direta.

Ou seja, para os médicos que estão em busca de benefícios exclusivos como cartões de crédito black ou infinite, condições especiais de crédito e atendimento personalizado, essa pode ser a solução ideal.

Tarifas da conta
3 meses grátis!
Tarifas de saque
R$ 0,00
Rendimento da conta
Produtos disponíveis
Cartão de Crédito, Empréstimos, Financiamentos, Investimentos
URL Verificada
  • Tarifas da conta
    • 3 meses grátis: após os 3 meses, você pode manter a isenção no valor do pacote Select de acordo com o volume dos seus investimentos ou pagando R$ 99,95/mês. Gratuidade na tarifa mensal do pacote de serviços ao concentrar a partir de R$ 150 mil em investimentos elegíveis.
  • Benefícios da conta
    • Isenção de tarifas: em transferências internacionais, saques, compra e venda de moedas
    • Atendimento personalizado: além de assessoria com especialistas
    • Programa de pontos Esfera ou Membership Rewards: Clientes Select contam com cartões que pontuam mais no programa Esfera, além da possibilidade de juntar pontos no Membership Rewards se for um cartão American Express
    • Espaços Select: mais de 200 espaços de atendimento com conforto e privacidade.
    • 50% de redução na anuidade: Clientes Select contam com redução de 50% no valor da anuidade em cartões selecionados
    • Chat Exclusivo: disponível 24h por dia
    • Anuidade ZERO por 12 meses no cartão Unique: se contratado em 90 dias após abertura da conta
    • Acesso a Salas VIP no Brasil e no mundo: os cartões Santander Select oferecem acesso em diversas salas VIP no Brasil e pelo mundo.
  • Documentos necessários
    • Para brasileiros: Carteira de Identidade (RG), Carteira Nacional de Habilitação (CNH), Documento de Identidade Profissional, Passaporte ou Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS).
    • Para estrangeiros: Registro Nacional de Estrangeiro (RNE), Passaporte com visto da Policia Federal, desde que acompanhado do protocolo do RNE (a cópia simples do RNE deve ser apresentada assim que o documento for obtido) ou Documento de identidade emitido por Argentina, Uruguai, Paraguai, Bolívia ou Chile.
    • Renda mínima: Superior a R$ 15 mil ou R$ 100 mil investidos no Santander.
  • Prós e Contras
    • PRÓS
    • Prós
      Atendimento Exclusivo
    • Prós
      Cartões com ótimos benefícios
    • Prós
      Produtos com condições diferenciadas

Além disso, ao se tornar cliente Santander Select, é possível usufruir dos benefícios da conta, além de ofertas exclusivas para profissionais da saúde, tais como:

  • Condições especiais para financiamento de máquinas e equipamentos para consultório;
  • Parcelamentos em até 60 meses para cursos de extensão e especialização, MBA, mestrado e doutorado;
  • Assessoria financeira especializada;
  • Condições diferenciadas em transferências internacionais, saques compra e venda de moeda;
  • Menores taxas de administração.

Esses sãos exemplos dos benefícios sob medida que uma conta pensada especialmente para médicos pode proporcionar, e tudo com a segurança e experiencia de um banco tradicional como o Santander.

VEJA TAMBÉM: Como abrir uma clínica médica: tipos, documentos e primeiros passos



Escrito por Lívia Portela Redatora Web

Lívia é formada em Direito pela Universidade Federal do Ceará e, atualmente, estuda Marketing Digital na Universidade Estácio de Sá. Descobriu no Marketing uma paixão pela comunicação, onde exerce seu trabalho produzindo conteúdo sobre finanças pessoais, produtos e serviços financeiros utilizando as técnicas de SEO.

  • Estrategista de Marketing em formação;
  • Advogada.

Você também vai gostar


.
.