Já se perguntou como organizar sua vida financeira? Confira o passo a passo e aprenda a controlar suas finanças pessoais!

Como organizar sua vida financeira: o passo a passo para controlar as finanças!

Como organizar sua vida financeira? É bastante provável que você já tenha feito essa pergunta para si mesmo.

Mesmo que assuntos relacionados ao âmbito das finanças pessoais venha ganhando um pouco de espaço nos últimos anos, até hoje, falar sobre dinheiro é um tabu na sociedade.

Em agosto de 2020, o endividamento das famílias brasileiras bateu novo recorde, a inadimplência é a maior registrada em 10 anos, segundo dados da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC).

Vivemos em um país onde boa parte da população sofre as consequências da carência de controle financeiro.

Por mais que este fato seja muitas vezes relacionado à “insuficiência de dinheiro”, a má gestão do patrimônio é uma vilã até mesmo de quem ganha acima da média no nosso país.

Por isso, se você quer saber como organizar a vida financeira, tenha certeza de que não está sozinho. Nós vamos te ajudar a tomar o controle das suas finanças!

Antes disso, saiba também que a mudança de hábitos e a disciplina serão suas grandes aliadas nessa jornada. Preparado?

Conheça agora o passo a passo de como se organizar financeiramente!

Passo a passo de como organizar sua vida financeira

1. Conheça sua realidade financeira

Com já dizia o romancista Lewis Carroll, se você não sabe onde quer ir, qualquer caminho serve.

Logo, quando falamos de organização financeira, não poderia ser diferente!

O primeiro passo para você organizar suas finanças e tomar o controle da sua financeira consiste em identificar aonde você está hoje.

Ou seja, qual a sua relação com o dinheiro? Para você, o dinheiro é um aliado ou vilão para a prosperidade?

Você sabe quanto ganha? E quanto gasta? Seu saldo mensal é positivo? Você possui dívidas? Quais são os seus objetivos financeiros?

Essas e outras perguntas irão te ajudar a fazer o seu diagnóstico financeiro.

2. Defina seus objetivos financeiros

No primeiro passo de como se organizar financeiramente, explicamos o motivo pelo qual é importante você conhecer sua realidade financeira.

Agora, vamos te explicar por que você deve definir os seus objetivos e como fazer isso de maneira eficaz.

Então, um objetivo financeiro nada mais é do que aquilo que você pretende alcançar financeiramente. Seja no curto, médio ou longo prazo, ao definir um objetivo você sabe exatamente o que quer alcançar e quando!

Para te ajudar nessa definição, é importante que conheça suas prioridades, estipule objetivos alcançáveis e siga um planejamento.

Por exemplo: Conseguir conquistar a independência financeira em 20 anos.

Após isso, definir metas específicas, mensuráveis e temporais irá te ajudar na conclusão do seu objetivo principal. Nesse caso, conseguir conquistar a independência financeira em 20 anos

Exemplo: Poupar, no mínimo, 20% da sua renda mensalmente e investir esse dinheiro em uma aplicação com rendimento igual ou superior a 5% ao ano durante os próximos 20 anos para alcançar a independência financeira.

Uma ótima ferramenta que pode ajudar nesse desafio é o Mobills, plataforma de controle financeiro online.

No Mobills, você consegue acompanhar a evolução dos seus objetivos. Para isso, basta registrá-los, adicionar a meta de economia financeira, data para conclusão e economia mensal, como na imagem abaixo.

Tela de objetivos do Mobills representando como organizar sua vida financeira
Defina seus objetivos financeiros no Mobills!

3. Conheça suas receitas e despesas

Assim como para conseguir fazer o seu diagnóstico financeiro e definir seus objetivos, para fazer um bom controle financeiro pessoal, é necessário saber quanto você ganha e gasta.

Afinal, você conhece sua renda mensal?

Pode parecer um pouco absurdo, mas é muito comum as pessoas não saberem quanto realmente recebem em forma de pagamentos todos os meses.

Nisso incluímos salário, prêmios, entre outras bonificações. Então, se esse for o seu caso, é essencial que faça esse registro agora mesmo!

Ademais, não poderíamos te pedir para acompanhar suas receitas sem fazer o mesmo com as suas despesas.

Tenha em mente que o quanto você gasta é mais importante do que o quanto você ganha.

Desse modo, é necessário também conhecer quais são os seus tipos de gastos: necessidades, desejos pessoais, dívidas ou investimentos.

Por meio do Mobills é possível registrar, acompanhar e analisar todo o fluxo do seu dinheiro

Imagem representando o controle de gastos no Mobills
Tenha o controle do seu dinheiro na palma das mãos: Conheça o Mobills!

Além disso, você consegue avaliar se está fazendo um bom uso dos seus recursos e o que pode fazer para otimizar os seus ganhos.

4. Corte gastos desnecessários

Visto que você conhece todo o fluxo do seu dinheiro, bem como sabe para onde ele está indo, o próximo passo é cortar despesas desnecessárias.

Por meio da análise dos seus gastos você irá identificar aonde ultrapassou os seus limites, comprou sem precisar ou mesmo comprou sem conseguir pagar de forma tranquila.

Muitas vezes, gastamos com coisas que a princípio parecem necessárias. No entanto, até mesmo nossas emoções interferem em nossas atitudes e hábitos de consumo.

Logo, veja onde é possível cortar gastos. Por exemplo, bens e serviços que não precisa ou não utiliza e gastos feitos para satisfazer alguém ou sustentar um padrão que sua renda não suporta.

Fazer listas de compras e categorizar as suas despesas vai te ajudar a ter sempre o controle dos seus gastos.

5. Poupe mensalmente

O quanto você gasta é importante e poupar mensalmente é um desafio a ser encarado para organizar sua vida financeira.

Entretanto, não encare este desafio como algo ruim, mas, muito pelo contrário, veja o ato de poupar dinheiro como uma chave para a sua prosperidade financeira.

O ideal é que você poupe, no mínimo, 20% da sua renda líquida mensal – renda descontada de encargos e impostos.

No entanto, se nesse início não for possível – mesmo que você tenha cortado todas as despesas desnecessárias, comece com 10%, 5% ou mesmo 1% da sua renda, o que importa é criar o hábito de poupar.

Se você possui dívidas, foque em pagá-las primeiro e depois em economizar para o seu futuro. Caso não possua, busque alternativas que te auxiliem a cumprir essa missão.

Em ambos os casos, buscar uma fonte de renda extra pode ser uma ótima solução!

Temos certeza de que você possui diversas habilidades que podem ser aproveitadas e te ajudarão a ganhar um graninha a mais todos os meses.

Como resultado, você conquistará o objetivo de organizar suas finanças ainda mais rápido!

Conclusão

Como organizar as finanças é uma missão que todos nós temos em nosso dia a dia.

Pois, diariamente, estamos sujeitos a diversos fatores e imprevistos que podem afetar nossas finanças e, consequentemente, o nosso bem-estar.

Por isso, é fundamental buscar formas de planejar e fazer o controle financeiro para tomar o controle das finanças.

Sabendo disso, neste artigo, separamos algumas dicas que formaram o nosso passo a passo eficaz para quem quer começar hoje essa mudança!

Mas, como a prática é tão importante quanto a teoria, você deve praticar as lições aprendidas para, então, esperar colher os resultados.

Saiba que, por mais difícil que possa parecer, conquistar a independência financeira é possível.

Aproveite a oportunidade para conhecer o Mobills, o melhor gerenciador financeiro do Brasil, e mude de vez a forma como lida com o seu dinheiro!

Comente, nos siga nas redes sociais e compartilhe este conteúdo!

O que achou do artigo “Como organizar sua vida financeira: o passo a passo para controlar as finanças!”?

Se gostou, então, cadastre-se na nossa Lista Vip para receber as novidades em primeira mão e compartilhe esse post com seus amigos e familiares que possam se interessar.

A sua opinião é muito importante para nós! Sendo assim, sugira novos temas e deixe seu comentário!

Quer acompanhar nosso conteúdo no Instagram? Siga @mobillsedu!

Não deixe, também, de acessar o canal do Mobills no Youtube.


VEJA TAMBÉM:

Postado em: Finanças Pessoais


Escrito por Larissa Brioso

Estudante de Economia na Universidade Federal do Ceará e Educadora Financeira na Mobills. Cresci com o desejo de possuir a minha independência financeira e aos 17 anos me tornei estudante incansável das técnicas de gerenciamento financeiro e investimentos.

    Junte-se a mais de 239.950 pessoas

    Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

    Logo Mobills
    Mobills Google Play
    Mobills Apple Store
    Mobills Web