outros
epico
Não
evergreen

O que é Qualidade de Vida? Descubra agora e veja 5 passos para conquistá-la!

Desfrutar da qualidade de vida é um sonho de milhares de pessoas e, para conquistá-la, é importante adotar hábitos que beneficiam seu bem-estar. Descubra quais são!

Artigo escrito por Jennifer Figueiredo em 23 de Setembro de 2021

Mulher feliz no campo representa qualidade de vida

Muitas pessoas buscam mais qualidade de vida para si e para pessoas que amam. Mas, será que existe uma única forma para para alcançar esse objetivo?

Viver com qualidade pode ser diferente para cada pessoa, já que depende das experiências, aprendizados, oportunidades e educação financeira de um cidadão, entre outros.

Então, para ajudar a entender melhor as questões em torno deste assunto, acompanhe as dicas valiosas que selecionamos diretamente da Biblioteca Virtual em Saúde do Ministério da Saúde.

Boa leitura!

O que é qualidade de vida?

Fala-se muito sobre qualidade de vida e essa busca constante por estar sempre pleno, feliz e saudável acaba sendo intensificada por um turbilhão de postagens nas redes sociais, como Instagram e TikTok.

A sensação que se tem é que tudo é muito corrido e não sobra tempo, dinheiro ou energia para fazer algo diferente da rotina “trabalha, come e dorme”.

Essas e outras insatisfações que envolvem o cotidiano levam ao questionamento: Será que vivo uma vida de qualidade?

A Organização Mundial da Saúde (OMS) explica o conceito de qualidade de vida: é a percepção que o indivíduo tem sobre a sua posição na vida. Isso engloba o contexto cultural, valores nos quais vivencia, seus objetivos e metas, expectativas, padrões e preocupações.

Mas afinal, como conseguir uma melhor qualidade de vida? Veja a seguir.

5 Dicas para ter uma boa qualidade de vida + Dica extra

Apenas a definição de qualidade de vida pode não ser suficiente para saber como alcançá-la. Na verdade, este é um processo contínuo e, uma vez iniciado, deve ser mantido por toda a sua existência.

A partir desse entendimento, veja os 5 passos para alcançar uma vida com mais qualidade, baseados no livro “Qualidade de Vida” (2012), publicado pela Escola de Artes, Ciências e Humanidades da USP:

1. Tenha hábitos saudáveis

Saúde e qualidade de vida estão intimamente ligados, afinal, o que adianta conquistar todas as suas metas e não estar saudável para aproveitar o melhor disso?

Então, adote hábitos saudáveis, como:

  • Alimentação saudável, equilibrada e nutricional;
  • Não fumar;
  • Não exagerar no consumo de álcool e café;
  • Descansar e dormir 8 horas por dia;
  • Praticar atividades físicas ou esportivas;
  • Ter momentos de lazer com regularidade;
  • Encarar e resolver os problemas com positividade;
  • Administrar melhor o tempo;
  • Cultivar a leveza e o bom humor.

2. Trabalhe para viver e não o contrário

Ter uma oportunidade de emprego é o desejo de milhões de profissionais no mercado, contudo, é bom que haja um equilíbrio entre essa responsabilidade e a sua vida pessoal.

Nesse sentido, o trabalhador pode:

  • Planejar suas férias anuais e ter um tempo de descanso das obrigações;
  • Não levar o trabalho para casa. No caso do home office, não ultrapassar o tempo de sua jornada de trabalho;
  • Manter o ambiente de trabalho organizado: limpeza, iluminação, ventilação;
  • Ter uma posição ou um acento confortável para a execução da atividade;
  • Em momentos de tensão, procurar esfriar a mente, relaxar, respirar e então voltar ao foco.

3. Movimente seu corpo, pratique atividades físicas

Atividades físicas e esportivas são mais do que indicadas para o bem-estar físico e também mental, o que ajuda a promover a qualidade de vida.

Algumas formas de se exercitar, são:

  • Fazer 30 minutos de atividade física por dia, de sua preferência;
  • Escolher as escadas no lugar do elevador;
  • Ir caminhar com seus filhos, seu pet, amigos ou sozinho;
  • Praticar um esporte, musculação, dança, luta, yoga, pilates ou outra atividade;
  • Alongar-se antes ou após as atividades, ao acordar, antes do trabalho etc.;
  • Respeita os limites do próprio corpo e ficar atento a qualquer sinal de dor ou incômodos.

Movimentar o corpo contribui para saúde de modo geral, podendo melhorar as noites de sono, aumentar a autoestima, além de ter benefícios psicológicos por meio da liberação de endorfina no corpo.

Vale destacar que, antes da prática de atividades é importante passar por avaliação e acompanhamento de um profissional da saúde e instrutor físico.

4. Tome sol com segurança

O Sol contribui muito para o bem-estar e saúde do ser humano já que a luz solar estimula a produção de vitamina D, cálcio, diminui as chances de depressão, aumenta imunidade, melhora o sono e produz melanina.

Então, ao reservar alguns minutos do dia para se expor a luz natural, isso lhe ajudará a se sentir mais próximo de viver com qualidade. Contudo, observe alguns cuidados para fazer isso com segurança:

  • Preferir horários mais frescos do dia para ficar no sol (antes das 10h e após as 16h);
  • Aplicar protetor solar pelo menos alguns minutos antes da exposição;
  • Utilizar óculos de sol, caso a luz incomode a vista;
  • Ao andar na rua em horários quentes, prefira a sombra, utilize chapéu ou boné e roupas claras.

5. Cuide da alimentação

Alimentação saudável não é só dieta, muito menos jejum. Por isso, preste atenção em como, quando e o que você está ingerindo e levando para dentro do seu corpo.

A qualidade de vida está no autocuidado e isso inclui alimentar-se bem e corretamente, como:

  • Ter, pelo menos, cinco refeições por dia: café da manhã, lanche, almoço, lanche e janta;
  • Ingerir diferentes frutas, verduras e legumes, todos os dias;
  • Evitar alimentos industrializados, instantâneos e bebidas com excesso de açúcar, como refrigerantes;
  • Hidratar-se com pelo menos dois litros de água por dia;
  • Concentrar-se na hora da refeição, mastigando bem os alimentos e com calma;
  • Evitar utilizar a comida como fuga para outros problemas.

Dica extra: cultive a Educação Financeira

De educação financeira nós entendemos muito bem e as finanças estão presentes em todas as atividades e contextos do cotidiano.

Por isso, é praticamente impossível falar sobre qualidade de vida sem levar em conta o orçamento pessoal, que possibilita obter os instrumentos necessários para alcançar esse objetivo.

Então, para te ajudar ter o controle das finanças conheça nosso curso Planejamento Financeiro na Prática!

Além deste curso completo, você também pode navegar por este blog e conferir em detalhes as melhores dicas de gestão financeira, tais como:

  • Ter mente aberta para oportunidades financeiras;
  • Ser capaz de analisar e diagnosticar sua situação financeira;
  • Manter a saúde das finanças e livrar-se de dívidas;
  • Planejar melhor o que fazer com o dinheiro que sobra do orçamento;
  • Reduzir gastos desnecessários, promover economia e mudar hábitos;
  • Aumentar a receita por meio de atividades que geram renda extra.

Mobills – Controle de Gastos

4.8 500
Baixe gratuitamente na loja ou site
Plataforma Android, iOS e Web
Funcionalidades Controle de contas, cartões e objetivos.
Preço Gratuito com funcionalidades Premium (Paga)
Benefícios App com ótima usabilidade e Design
Baixe gratuitamente na loja ou site
  • Mais detalhes do Mobills
    O Mobills é um aplicativo de controle de gastos e finanças pessoais que irá lhe ajudar a alcançar o sucesso financeiro que você sempre sonhou.

    🎯 Nossa missão é transformar sua vida financeira para melhor e eliminar de vez todos os seus problemas com dinheiro.

    💰 Tudo isso é possível porque o Mobills é a maneira mais simples, fácil e segura para você economizar e juntar dinheiro.

    🚀 Confira porque mais de 8 milhões de pessoas escolheram nosso aplicativo para controlar suas finanças e não tomar susto no final do mês.

Benefícios de manter uma boa qualidade de vida

Ter uma vida com mais qualidade resulta em diversos benefícios para seu bem-estar em muitos aspectos:

Saúde física

Quer um benefício melhor do que ter um corpo saudável, forte e disposto a encarar os desafios diários? Esta seria a realidade de uma pessoa com qualidade de vida.

Porém, segundo um estudo da Fiocruz e UFMG com 44.062 brasileiros, 62% dos entrevistados alegaram que não praticaram qualquer tipo de exercício durante o ano de 2020.

Mas, você pode pular fora da estatística do sedentarismo! Para isso, planeje uma rotina equilibrando atividades físicas, alimentação adequada e descanso.

Por fim, sempre considere a possibilidade procurar ajuda profissional, como nutricionista, instrutores, clínicos etc. Assim, poderá conquistar além da saúde física, maior expectativa de vida.

Saúde mental, psicológica e emocional

As preocupações e adversidades da rotina podem levar qualquer pessoa ao cansaço mental. Dessa forma, muitos que almejam a qualidade procuram fazer a manutenção da saúde psicológica e emocional.

Como isso é possível? Cultivando experiências que tragam sensações prazerosas de bem-estar, descontração, felicidade e relaxamento.

Nesse sentido, também é muito importante fazer o acompanhamento com profissionais como psicólogos, psiquiatras. No mais, sempre dialogue com pessoas de sua confiança.

Relações e ciclos sociais saudáveis

Parte de seu humor, preocupações e satisfações geralmente estão ligadas às suas relações sociais, ou seja, com quem você se comunica.

Esse ciclo de convivência engloba família, colegas do trabalho, pessoas do curso, amigos e desconhecidos. Por isso, ao ter mais qualidade de vida é possível cultivar relações mais saudáveis com outras pessoas.

Dessa forma, fica mais simples dialogar, lidar com suas emoções, expectativas, cumprir ordens, dar seu ponto de vista, se expressar e socializar de modo geral.

Conhecimentos e habilidades

A capacidade de aprender e executar está intimamente ligada a todos benefícios que mencionamos anteriormente. Assim, percebemos que as ações caminham juntas pelo mesmo propósito: conquistar qualidade de vida.

Nesse sentido, quando uma pessoa é saudável, com os pensamentos organizados e estando bem resolvida com as pessoas a sua volta, é possível tirar um tempo para investir em novos conhecimentos e habilidades.

Um bom exemplo no âmbito financeiro são dos que conseguem sair das dívidas ao aprender a gerenciar as finanças. E então, ter a capacidade de economizar, poupar e investir.

Hábitos que prejudicam sua qualidade de vida

Ao longo deste conteúdo abordamos as principais dicas e passos que ajudam a ter uma vida com mais qualidade.

Nessa lógica, é natural que hábitos opostos aos que fazem bem, prejudiquem essa vivência. Por isso, é importante criar um sinal de alerta e evitar ao máximo o desgaste de situações como:

  • Trabalhar em excesso;
  • Dormir pouco ou passar noites em claro;
  • Ter uma alimentação rica em sódio, açúcares, carboidratos e gordura;
  • Deixar de praticar atividade física;
  • Consumir álcool;
  • Fumar;
  • Perder o controle das despesas e entrar no vermelho.

Principais indicadores de qualidade de vida

Quando se trata de viver com qualidade, logo se percebe que há múltiplas questões que envolvem esse universo, como: parâmetros sociais, de saúde, de segurança, econômicos, educacionais, culturais e outros.

Nesse sentido, os principais indicadores objetivos de qualidade de vida, podem ser listados pela capacidade de satisfazer as necessidades elementares de um cidadão:

  • Saúde (física e mental);
  • Educação (básica, superior e técnica);
  • Ganhar dinheiro (trabalho formal ou autônomo);
  • Moradia e saneamento básico;
  • Alimentação;
  • Bens materiais.

Enquanto que, pelo lado subjetivo, trata-se da satisfação pessoal dos indivíduos, como:

  • Ter um tempo de sono e descanso com qualidade;
  • Não ter vícios nocivos à saúde;
  • Alimentar-se de forma saudável;
  • Praticar exercícios;
  • Estudar algo que goste;
  • Ser organizado com as coisas e com o tempo;
  • Procurar ajuda profissional, sempre que houver necessidade;
  • Ter controle financeiro.

Você pode querer saber também

A classificação de qualidade de vida pode ser feita de acordo com diferentes abordagens e análises sobre parâmetros financeiros, sociais, psicológicos, culturais, educacionais, entre outros.

Por isso, ao classificar uma vida de qualidade é possível chegar a diversas respostas, pois o bem-estar e a satisfação são percepções pessoais e podem variar de uma pessoa para outra.

Viver uma vida de qualidade significa ter uma percepção positiva de si mesmo na maior parte dos aspectos que constroem seu cotidiano. É estar satisfeito com as expectativas e ter seus objetivos atingidos e alinhados ao seu bem-estar físico e emocional.

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) realiza uma Síntese de Indicadores Sociais anual, que analisa a qualidade de vida e bem-estar dos cidadãos brasileiros.

Ter uma vida com mais qualidade gera inúmeros benefícios, como:

  • Ser mais saudável fisicamente e mentalmente;
  • Melhora suas relações, comunicação e compreensão no seu ciclo social (casa trabalho, escola etc.);
  • Permite que aprenda mais, evolua e realize atividades diferentes ao longo da vida, entre outros.

Os ambientes de trabalho que priorizam a qualidade de vida podem ter alguns desses indicadores em comum:

  • Promover um bom relacionamento interpessoal entre equipes, funcionários e gestores;
  • Oferecer um ambiente ergonômico, confortável e adequado à execução das atividades;
  • Dispor de equipamentos de qualidade e apropriados ao trabalho;
  • Pagar uma remuneração justa ao profissional, permitindo que tenha uma vida de qualidade;
  • Respeitar todos os colaboradores, sem distinção, entre outros indicadores.

Importância de manter uma boa qualidade de vida

Construir um cotidiano com mais qualidade, sem dúvidas, resulta em experiências e sensações positivas para cada indivíduo, daí a sua importância.

Mas, é compreensível que nem sempre uma pessoa é responsável por algo negativo que ocorre em sua vida. Contudo, sempre que algo bom estiver ao seu alcance e isso lhe proporcione satisfação e bem-estar, faça!

Por outro lado, é importante considerar que alguns prazeres podem ser momentâneos e por isso, é preciso pensar além, planejar os detalhes e então executar. Assim, é possível arrependimentos.

Um exemplo prático disso são as compras por impulso. Portanto, as pessoas adquirem bens que nem mesmo precisam, em prol do bem-estar momentâneo.

Dessa forma, é importante ter cuidado! A vida sem imprevistos financeiros pode valer muito mais a pena do que as preocupações de pagar uma conta que extrapolou seu orçamento.

Então, para te ajudar a manter suas finanças organizadas, utilize nosso aplicativo de gestão financeira para seu dia a dia: Baixe o Mobills, grátis!


Junte-se a mais de 239.950 pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade.


🤔 Tem dúvidas ou dicas? Comenta aqui, que nossos especialistas respondem!

Notifique-me de novos comentários via e-mail.

Junte-se a mais de 239.950 pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade.


Você também vai gostar...


Escrito por Jennifer Figueiredo Jornalista

Jornalista pela Universidade do Oeste Paulista. Uma Redatora que ama café, séries, pets e estar na presença de pessoas queridas.

  • Jornalista;
  • Conteúdo Web e SEO.
.