Aposentadoria integral

Aposentadoria integral é um dos tipos de aposentadoria por tempo de contribuição. Para recebê-la, o trabalhador precisa comprovar que contribuiu para a previdência social por 35 anos, no caso dos homens, e no das mulheres, por 30 anos.

Também é preciso ter cumprido o período de carência, cujo valor é diferente dependendo da época de inscrição, por exemplo: quem começou a pagar a partir de 25 de julho de 1991 precisa comprovar 180 contribuições mensais.

Segundo o INSS, o funcionário tem direito a 100% do salário-de-benefício. Este, por sua vez, é calculado com base na média contributiva com limitação ao valor do teto contributivo e com aplicação do fator previdenciário no caso das aposentadorias por tempo de serviço/contribuição e por idade.

O requerimento deve ser feito através da Central 135, do site da Previdência Social ou pessoalmente nas Agências da Previdência Social.

Você vai precisar dos seguintes documentos: Número de Identificação do Trabalhador (NIT), um Documento de Identificação (Carteiras de Identidade, de Trabalho ou da Previdência) e seu CPF.

Quer saber mais sobre aposentadoria? Leia os seguintes textos:

7 dicas para ter uma aposentadoria financeiramente tranquila

5 ações que poderão garantir sua aposentadoria no longo prazo