11 dicas para sair das dívidas em 2021 e fazer as pazes com as finanças

É hora de regularizar suas pendências! Comece o ano com a sua vida financeira organizada conhecendo 11 dicas para sair das dívidas!

Artigo escrito por Larissa Brioso em 07 de Janeiro de 2021

Homem se livrando de débitos por meio de dicas para sair das dívidas

11 dicas para sair das dívidas em 2021 e fazer as pazes com as finanças

Banner MobillsEdu app

Com um novo ano começando, surgem também, muitas oportunidades de organizar sua vida financeira novamente e regularizar suas pendências.

Porém, ainda hoje, muitas pessoas não sabem como começar a resolver esse problema e se perguntam como sair das dívidas.

Saber se planejar financeiramente e ter controle do seu dinheiro é muito importante para dar continuidade aos seus planos e atingir suas metas.

Então, se você é uma dessas pessoas que ainda tem dúvidas de como se livrar das dívidas neste ano que está começando e nunca mais vê-las, fique neste artigo.

Boa leitura!

11 dicas para sair das dívidas em 2021

1. Saiba quais dívidas você tem

Para começar a regularizar suas dívidas e se livrar delas, é preciso entender quais são as que você tem, sem esquecer nenhuma.

Umas das melhores formas de organizar essas informações, é colocando todas as pendências no papel ou em uma planilha, por ordem decrescente da taxa de juros.

Então, faça o registro de quais são as suas dívidas, se atente aos e-mails e notificações de cobranças – que geralmente ajudam muito a lembrar – e se planeje para pagar àquelas com os maiores juros primeiro.

2. Defina suas metas

Se você quer se livrar das suas dívidas, provavelmente, também tenha alguma meta que queira atingir.

Então, defina essas metas e trace o caminho que você precisa seguir para atingi-las.

Isso fará com que você tenha clareza no momento de organizar suas informações e foco para regularizar suas pendências, com o objetivo de conquistar o que deseja.

3. Corte gastos desnecessários

Gastar com coisas supérfluas faz muita diferença no orçamento pessoal, mas, às vezes, você já está tão acostumado a ter esses gastos que acaba não percebendo.

Então, se possível, também coloque eles no papel para que saiba exatamente quanto da sua renda estes gastos estão consumindo, saiba de todas as idas ao shopping, bares e, até mesmo, compras excessivas de roupas e acessórios.

4. Corte ou reduza os gastos com cartões de crédito

Mais um gasto a ser cortado ou, no mínimo, reduzido!

Assim como muitas pessoas, você deve pensar que é impossível viver sem o cartão de crédito, mas acredite: isso é só uma questão de hábito!

Você não precisa cortar o seu cartão de um dia para outro, mas crie hábitos que façam com que você se acostume aos poucos.

Às vezes, quando perguntam a forma de pagamento, a resposta automática é “passa no crédito”, então, se policie para que isso não aconteça.

Use apenas quando não tiver outra opção.

5. Procure formas de conseguir rendas extras

Quando uma pessoa está endividada, qualquer renda que entra fora do seu orçamento, é lucro e pode ajudar a regularizar essas pendências.

Então, dependendo da sua área de atuação, é possível conseguir trabalhos temporários que acrescentem o que você ganha ao fim do mês

Investir o seu dinheiro também pode ser uma boa opção para que consiga uma renda extra, mas, priorize essa opção apenas quando estiver com todas as suas contas em dia.

6. Pesquise as melhores formas de negociar suas dívidas

Dependendo da dívida que você tem, do credor e do tempo que ela está atrasada, você pode conseguir boas condições para regularizá-la.

Esteja sempre em contato com a empresa ou credor que você está devendo para verificar as condições de pagamentos disponíveis para a sua dívida

Além disso, se atente aos feirões para negociação de dívidas e a plataformas que são focadas em ajudar os consumidores que estão nessa situação.

7. Dê prioridade às dívidas mais graves

Não é tão fácil regularizar todas as dívidas de uma vez, a não ser que você tenha poucas ou tenha um dinheiro separado apenas para isso.

Então, tenha calma e paciência que tudo se resolve e, para começar a regularizar suas pendências, comece por dívidas mais graves, com juros maiores, por exemplo.

Isso pode te ajudar a não continuar perdendo dinheiro e resolver as demais contas ficará cada vez mais fácil.

8. Separe um fundo de emergência

Com ou sem dívidas, é extremamente necessário ter um dinheiro guardado, conhecido também como reserva de emergência.

Nunca sabemos o dia de amanhã e caso aconteça uma situação que não estava esperando e necessite de dinheiro, essa situação pode se tornar mais uma dívida.

Se planeje para conseguir guardar uma quantia mensalmente, isso pode te ajudar em algum momento crítico ou até facilitar a conquista de alguma meta.

É importante que você tenha o valor que deseja guardar definido e o quanto quer guardar em um determinado período.

9. Monte um planejamento

Para que você consiga colocar em prática todas as dicas anteriores, busque um planejamento financeiro.

Ele pode ser feito da forma que você quiser, desde que seja funcional e que você mesmo entenda.

Ou seja, utilize um aplicativo, faça um cartaz à mão, monte uma planilha no Excel e até uma apresentação no Powerpoint, se preferir. Independente do formato, não deixe de sempre acompanhá-lo.

Conheça o Mobills e tenha o controle das suas finanças na palma das mãos!  

10. Pesquise antes de comprar

A partir do momento que você já tomou o controle sua vida financeira, é importante mudar também hábitos de compra para que não entre em dívidas novamente.

Pesquise sempre antes de comprar alguma coisa e compare preços, juntando tudo, isso pode fazer com que você economize um dinheirão no final do mês.

11. Compre sempre à vista

Outro hábito que você pode aderir é o pagamento à vista das suas compras, até porque, já foi combinado que você vai deixar o cartão de crédito de lado, né?

Isso permite que você visualize o dinheiro real que você tem em sua conta e não se espante com nenhum valor na sua fatura do mês seguinte.

Conclusão

Não é necessário sempre esperar que um ciclo se feche (como um novo ano terminando) para começar a colocar em prática coisas que você quer há um tempão, mas, se essa oportunidade surgiu, comece agora mesmo.

Entenda qual é o melhor jeito de gerenciar suas finanças e, assim que se acostumar com seus novos hábitos, não vai querer abandoná-los nunca mais.

O nosso Blog sempre estará recheado de dicas e novidades para te ajudar neste momento e mostrar como sair das dívidas, então, não deixe de nos acompanhar.

Acesse também o Mobills, que pode te ajudar a construir seu planejamento financeiro do zero.

Comente, nos siga nas redes sociais e compartilhe este conteúdo!

O que achou do artigo “11 dicas para sair das dívidas em 2021 e fazer as pazes com as finanças”?

Se gostou, então, cadastre-se na nossa Lista Vip para receber as novidades em primeira mão e compartilhe esse post com seus amigos e familiares que possam se interessar.

A sua opinião é muito importante para nós! Sendo assim, sugira novos temas e deixe seu comentário!

Quer acompanhar nosso conteúdo no Instagram? Siga @mobillsedu!

Não deixe, também, de acessar o canal do Mobills no Youtube.


VEJA TAMBÉM:


Junte-se a mais de 239.950 pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade.


4 comentários publicados nesse artigo
    09/01/2021 às 09:24

    Preciso Urgente por em prática essas dicas Ótimo conteúdo!

      11/01/2021 às 09:19

      Olá, Ana Paula! Ficamos muito felizes em saber que gostou das nossas dicas. Já conhece o aplicativo do MobillsEdu? Aprenda conceitos de educação financeira em até 5 minutos com essa nossa ferramenta. Baixe agora: CLICANDO AQUI.

    08/01/2021 às 07:58

    Form bem clara de ajudar individados. Parabéns pelo conteúdo, muito bom.

      08/01/2021 às 10:51

      Ficamos muito felizes em saber que gostou das nossas dicas. Já conhece o aplicativo do MobillsEdu? Aprenda conceitos de educação financeira em até 5 minutos com essa nossa ferramenta. Baixe agora: CLICANDO AQUI.

🤔 Tem dúvidas ou dicas? Comenta aqui, que nossos especialistas respondem!

Notifique-me de novos comentários via e-mail.

Junte-se a mais de 239.950 pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade.


Você também vai gostar...


Escrito por Larissa Brioso Educadora Financeira

Larissa Brioso é estudante de Economia e Educadora Financeira na Mobills. Possui experiência na área de marketing, SEO e criação de conteúdo com ênfase em Educação Financeira.

  • Editora-chefe do blog Mobills;
  • Estudante de economia;
  • Criadora de lições para o app MobillsEdu.
.