Quer abrir o próprio negócio? Neste artigo você vai aprender 10 dicas fundamentais para aqueles que possuem vontade de empreender mas não sabem como. Confira!

10 dicas fundamentais para você abrir o próprio negócio

Conheça o Mobills: O melhor gerenciador financeiro do Brasil!

A trajetória empreendedora normalmente é complexa, afinal, empreender te leva a fazer coisas as quais você não estava acostumado.

Logo, um empreendedor pode colecionar vários sucessos, mas muitos insucessos também, principalmente se não dispuser de muitos recursos financeiros ou ainda de um bom planejamento financeiro no início.

Por isso, muitos dos que pretendem abrir o próprio negócio acabam por não colocar suas ideias em prática, com medo dos desafios que certamente virão e de um possível fracasso.

No entanto, o fato é que para obter êxito na abertura do seu negócio próprio, é necessário muita disposição para trabalhar, organização, disciplina e controle das finanças pessoais e da empresa.

Além disso, você deve ter atenção com as questões burocráticas, tais como: registros, cadastros, contratos e impostos.

Ademais, você precisa também acreditar na sua capacidade e buscar os meios para alcançar o sucesso, assim como diversos empreendedores que já batalharam bastante e hoje são empresários bem-sucedidos.

Visando facilitar sua jordana empreendedora, reunimos 10 dicas fundamentais para você abrir o próprio negócio e ter sucesso no mercado!

Vamos lá?

Dicas fundamentais para você abrir o próprio negócio

1. Verifique se seu empreendimento é realmente viável

Antes de iniciar um negócio próprio, é preciso examinar a viabilidade do projeto, ou seja, se o empreendimento é viável com base em seu planejamento e projeção de resultados.

Sendo assim, defina uma meta de lucratividade e tenha em mente que os primeiros meses ou anos são sempre os mais difíceis.

Desse modo, você deve ter foco e acreditar no seu negócio para que as coisas possam acontecer como você espera.

2. Crie um plano de negócios

A criação de um plano de negócios é essencial, pois ele é responsável por definir qual será a estrutura da sua empresa.

Então, além de incluir o planejamento financeiro, inclua também o montante de capital de giro necessário para o funcionamento do negócio e a previsão de lucro.

Para aumentar suas chances de sucesso, se preocupe ainda em elaborar um plano de marketing, o qual deve conter as seguintes informações:

  • Mercado;
  • Estratégias de vendas;
  • Público-alvo.

Vale ressaltar também a importância de não misturar as finanças da empresa com as suas pessoais. Portanto, planeje e controle suas finanças separadamente.

3. Busque sempre a diferenciação

O mercado é muito amplo, há várias possibilidades de negócios, mas determinados ramos já estão um tanto quanto saturados.

Dessa forma, é necessário buscar a diferenciação, ou seja, procurar desenvolver serviços ou produtos inovadores, que agreguem valor à vida das pessoas.

E quando se fala de inovação, isso não significa que tenha que ser um produto ou serviço totalmente novo, você também pode pensar em algum meio de melhorar um serviço ou produto já existente.

Oriente-se pelas seguintes perguntas: “Qual necessidade do mercado a minha empresa resolverá?” ou “Como irei satisfazer as exigências do meu público-alvo”?

As respostas para estas perguntas irão te ajudar a abrir o próprio negócio, além de torná-lo compatível com a realidade do mercado e te ajudar a avaliar se sua ideia é viável ou não.

4. Conhecimento e capacitação são indispensáveis

A busca por conhecimento sobre a área que você deseja atuar deve ser incessante.

Ficar sempre à frente das inovações do mercado é a chave para driblar a concorrência, se destacar e se tornar um empreendedor bem-sucedido. Ademais, cursos de capacitação também são fundamentais.

Eles ajudam a compreender melhor sobre os desafios da rotina de um empresário e sobre como identificar e solucionar problemas de maneira rápida, eficiente e eficaz.

5. Se preocupe com a organização das finanças

Para ter efetivo controle do lucro que a sua empresa irá gerar e das finanças, é preciso estipular um salário para você, o qual deverá ser retirado na mesma data de pagamento dos outros funcionários.

Além disso, não retire valores para efetuar compras desnecessárias ou fora das datas predeterminadas.

Dessa forma, você conseguirá manter o controle financeiro da sua empresa e estará resguardado em casos de despesas inesperadas.

6. Escolha bons sócios

Você deve buscar pessoas que tenham o mesmo objetivo que você.

Os sócios vão ser os seus companheiros por muito tempo, se o negócio prosperar, e podem complementar ideias ou competências que você não domina.

Utilize critérios específicos para selecionar seus sócios e busque perfis de compatibilidade com o seu empreendimento.

7. Manutenção de capital de giro

Você deve ter uma noção da quantia de dinheiro necessária para manter as despesas por, no mínimo, um ano.

Isso é fundamental, pois nos primeiros meses (período de adaptação ao mercado) normalmente não há entrada expressiva de recursos no caixa, o que tende a impossibilitar o pagamento de todas as despesas da empresa.

Portanto, inclua em seu planejamento a previsão de gastos também para o médio prazo.

8. O cliente deve enxergar valor no seu negócio

Para se sobressair em meio à competitividade é necessário gerar valor para o cliente. Faça uma reflexão sobre as seguintes perguntas: “Como o cliente vai saber sobre a minha empresa?” ou “Quais os diferenciais do meu negócio?”.

Dessa maneira, você irá identificar a sua proposta de valor e agregará novas estratégias ao seu negócio.

9. Invista na sua empresa

Boa parte dos empreendedores não tem a mínima ideia de por onde começar a investir na empresa deles.

É preciso, primeiramente, identificar em quais áreas da empresa você deve investir.

As áreas de Recursos Humanos e Marketing devem ser priorizadas, pois estão relacionadas à capacitação de funcionários e à captação de clientes – fatores fundamentais para o sucesso de um negócio.

10. Organização, confiança e paciência

Para que você obtenha sucesso no empreendedorismo, três elementos são essenciais: organização, confiança e paciência. É importante compreender que as coisas não irão acontecer do dia para a noite.

Sendo assim, mantenha a vontade de crescer, busque sempre inovar, controle a ansiedade, pense grande, ouse, não tenha medo de arriscar e encarar os desafios que o empreendedorismo impõe.

Conclusão

Abrir o próprio negócio é o sonho de muitas pessoas. No entanto, por medo de fracassar e até mesmo de tentar, a maioria delas acaba deixando esse desejo de lado.

Neste artigo você aprendeu 10 dicas fundamentais para aqueles que possuem vontade de empreender mas não sabem como.

No entanto, a teoria não funciona sem a prática. Logo, se você realmente tem esse sonho ou se você precisa inovar para mudar de vida, veja se sua ideia é viável e então invista nela.

Por mais difícil que possa parecer no começo, aos poucos você irá conquistar muitos resultados, se motivar com os positivos e aprender com aquilo que não saiu como planejado.

Até lá, lembre-se de não misturar suas finanças pessoais com as do seu negócio próprio. Além disso, busque maneiras de fazer um bom controle financeiro.

Afinal, não adianta ganhar mais dinheiro e não saber utilizá-lo de forma inteligente.

Quer aprender como fazer isso? Conheça o Mobills, o melhor aplicativo de controle financeiro do Brasil, e dê o passo inicial para a realização daquilo que você sonha.

Comente, nos siga nas redes sociais e compartilhe este conteúdo!

O que achou do artigo “10 dicas fundamentais para você abrir o próprio negócio”?

Se gostou, então, cadastre-se na nossa Lista Vip para receber as novidades em primeira mão e compartilhe esse post com seus amigos e familiares que possam se interessar.

A sua opinião é muito importante para nós! Sendo assim, sugira novos temas e deixe seu comentário!

Quer acompanhar nosso conteúdo no Instagram? Siga @mobillsedu!

Não deixe, também, de acessar o canal do Mobills no Youtube.


VEJA TAMBÉM:

 

Postado em: Empreendedorismo


Escrito por Larissa Brioso

Estudante de Economia na Universidade Federal do Ceará e Educadora Financeira na Mobills. Cresci com o desejo de possuir a minha independência financeira e aos 17 anos me tornei estudante incansável das técnicas de gerenciamento financeiro e investimentos.


Hey, o que você achou desse conteúdo?

Inscreva-se
Notificar de
guest
2 Comentários
mais antigos
mais novos mais votados
Inline Feedbacks
View all comments

    Junte-se a mais de 239.950 pessoas

    Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

    Logo Mobills
    Mobills Google Play
    Mobills Apple Store
    Mobills Web